Município vai receber doação da ONG Brasil Sem Grades para adquirir os implantes anticoncepcionais - Reprodução/FN

Na última segunda-feira, dia 29 de março, foi aprovado pela Câmara de Vereadores o projeto de lei, encaminhado pela Prefeitura, para receber em doação o montante de R$ 665.802,00 destinados à aquisição de 1.800 implantes contraceptivos. O recurso será doado pela ONG Brasil Sem Grades, que é presidida pelo empresário caiense Luiz Fernando Oderich.

Conforme a Prefeitura, a iniciativa visa atender os municípios da região e garantir a possibilidade de beneficiar várias mulheres, levando em conta a importância da maternidade e paternidade responsável, sendo o planejamento familiar de livre decisão do casal, competindo ao Estado proporcionar recursos educacionais e científicos para o exercício desse direito.

Após a aquisição dos contraceptivos, que serão adquiridos mediante processo de licitação, o município ficará encarregado de, através da Secretaria Municipal da Saúde e da Família, em conjunto com os agentes comunitários de saúde e grupos de planejamento familiar, fazer a seleção do público-alvo a ser contemplado e a sua distribuição.

O que é o implante contraconceptivo:

O implante é um bastonete bastante pequeno inserido sob a pele do braço da mulher para atuar como contraceptivo. Ele é invisível e evita a gravidez por até três anos. O implante libera progestina, um hormônio que impede que os ovários liberem óvulos. A progestina também engrossa o muco no interior do corpo para impedir que os espermatozóides cheguem aos óvulos. Ele deve ser inserido no braço por um profissional da área da saúde. A eficácia é superior a 99%.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here