Crédito: Kamila Kerber/Divulgação

Em ato de acesso restrito, especialmente, aos familiares, na manhã da sexta-feira, foi realizada a posse do prefeito e do vice reeleitos de Salvador do Sul, Marco Eckert e Leo Haas (MDB), além dos vereadores André Mallmann (Republicanos), Carla Specht (Republicanos), Cristian Muxfeldt (MDB), João Canisio Hoffmann (MDB), Henrique Kirch (MDB), Maribela Weschenfelder (Progressistas), Marciel Rhoden (MDB), Romeu Recktenwalt (MDB) e Roque Both (Progressistas). Embora a política local tenha histórico de disputas acirradas, inclusive fora do período eleitoral, os discursos realizados na Câmara de Vereadores defenderam em boa parte a união pelo progresso do Município.

Durante a solenidade, que, a exemplo do ocorrido em outras localidade da região, teve transmissão por meio do Facebook, o prefeito reeleito voltou a agradecer aos eleitores salvadorenses pela nova vitória nas urnas, destacou o apoio dos familiares e reforçou que se sente mais preparado para os desafios do cargo. “Tentamos fazer no primeiro mandato o possível. Agora, é um novo governo, com novas pessoas e novos vereadores, e agora temos a oportunidade de fazer diferente e mudar aquilo que não tenha dado certo”, afirmou, pedindo o apoio dos vereadores independentemente das bancadas que integram.

Crédito: Kamila Kerber/Divulgação

Marco Eckert reforçou a importância da soma de esforços para o desenvolvimento local. “Temos a oportunidade de fazer história, de darmos nossa contribuição, para que nosso Município seja ainda melhor. Salvador do Sul tem tudo para ser cada vez mais forte. Temos o compromisso de trabalhar muito”, acrescentou.

A mesa diretora da Câmara de Vereadores terá como presidente, em 2021, Cristian Muxfeldt, ficando Canisio Hoffmann como vice-presidente. Vereador mais votado na eleição municipal de novembro, Henrique Kirch será o secretário. O segundo secretário escolhido foi Marciel Rhoden.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here