Natural de Salvador do Sul, ex-vigário em Montenegro e Bom Princípio, o padre Rogério agora vai atuar em Santa Maria - Crédito: Paróquia Nossa Senhora da Purificação

Após seis anos e meio como pároco de Bom Princípio, no último domingo, dia 23, ocorreu a despedida do padre Rogério Schlindwein, que foi transferido para a Arquidiocese de Santa Maria. O padre Rogério esteve à frente da Paróquia Nossa Senhora da Purificação até fevereiro do ano passado, quando solicitou afastamento por um período. Retornou ao sacerdócio e por três anos vai atuar em Santa Maria. A missa de ontem, com a presença do bispo da Diocese, Dom Carlos Rômulo Gonçalves e Silva, e vários padres, lotou a igreja Matriz, tendo também grande audiência em rádio e redes sociais que transmitiram ao vivo.

No sábado retrasado, dia 15, também houve missa e homenagens na localidade de Linha Comprida, no município de Salvador do Sul, terra natal do padre Rogério. E a missa teve a presença do arcebispo Dom Leomar Antônio Brustolin, que vai acolher o padre Rogério em Santa Maria.

No último dia 15 de dezembro o padre Rogério completou 9 anos de sacerdócio. Lembra que a vocação vem de berço, com o apoio dos pais e da família. Após ser vigário na Paróquia de Montenegro, recebeu com surpresa a convocação para ser pároco em Bom Princípio. “Fui muito feliz e bem acolhido”, diz. Agora vive a expectativa de um novo desafio, numa paróquia com 40 mil moradores.

Missa que lotou a igreja Matriz de Bom Princípio teve a presença do Bispo Dom Carlos e vários padres
– Crédito: Paróquia Nossa Senhora da Purificação

Quando do seu pedido de afastamento, o padre Rogério alegou que estava esgotado. O bispo Dom Carlos, na época, um ano atrás, disse que acreditava que o padre Rogério retornaria para as atividades do sacerdócio. Com apoio e tratamento, isso realmente aconteceu. Agradece todas as homenagens e o apoio da comunidade. Durante a missa de despedida, lembrou o trabalho realizado em Bom Princípio, como a reforma e construção de igrejas, incluindo a restauração da Matriz, além de centros comunitários. Também ressaltou as atividades junto aos fieis. Recordou que tanto trabalhou que chegou ao limite, momento que pediu ao bispo um tempo para cuidar de sua saúde. Emocionado, agradeceu e foi muito aplaudido. “Vou para uma nova missão. Levo com orgulho tudo que realizamos e a sensação do dever cumprido”, disse. Ao final da missa em Bom Princípio, lembrou do tempo que passou na casa dos pais. Citou que nesta segunda-feira ainda tinha consulta com psiquiatra. “Para ajustar uns parafusos que continuam soltos”, brincou. E em seguida iniciaria a mudança. Antes participou de confraternização do seminário de Bom Princípio. A posse em Santa Maria está marcada para 6 de março, mas no próximo fim de semana já estará realizando missas na nova Paróquia.

Em conversa com a reportagem, o padre Rogério disse que as missas e homenagens traduzem um pouco do que viveu em Bom Princípio e região, de muita dedicação e trabalho. Disse que sai do Vale do Caí com bons sentimentos e vai fortalecido para a nova missão.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here