Criação do Centro de Desenvolvimento Multidisciplinar Caiense amplia atendimentos

Prefeitura está contratando mais profissionais para melhorar o atendimento para a comunidade - Crédito: Prefeitura

Em outubro do ano passado iniciaram os atendimentos de Fonoaudiologia junto ao prédio onde também funciona o PIM (Primeira Infância Melhor). Até então, os atendimentos eram prestados em consultório, junto ao Centro Médico Pieretto, por 8 anos.

Com a abertura do espaço do CAPS Infanto-Juvenil, a demanda aumentou bastante e foi necessário montar um novo espaço, com estímulos e equipamentos adequados ao atendimento especializado e terapias específicas voltadas ao público com diagnóstico de Autismo. Essa necessidade tem aumentado, acompanhando as estimativas mundiais, bem como as demais demandas de reabilitação fonoaudiológica.

Hoje o Centro de Desenvolvimento Multidisciplinar Caiense com uma equipe de 4 fonoaudiólogos que atendem via SUS, realizando o teste da orelhinha, orientação quanto à amamentação, estimulação de linguagem, avaliação e terapia de fala, linguagem infantil, adulto e idosos (pós AVC, traumatismos cranianos, pós cirúrgicos); terapia de problemas vocais, reabilitação da deglutição; reabilitação do equilíbrio, terapia ABA Naturalista, contando com a avaliação e terapia em todas as fases da vida, tanto no espaço preparado especificamente para esse público, quanto atendimentos domiciliares, pelo programa Melhor em Casa.

Fonoaudiólogos que residem no município e região fazem parte da equipe de profissionais da Fga. Ângela Flores Schlickmann, integrando juntamente com o PIM, Secretaria de Saúde, Professores de AEE (Atendimento Educacional Especial), Secretaria da Educação, Escola Municipal Especial Renascer e APAE, estão empenhados discutindo os casos para melhor atender a demanda e as necessidades particulares de cada indivíduo que necessita de uma reabilitação, tanto na fala, quanto na educação e na audição. “Nesses 6 meses tivemos aproximadamente 1.800 atendimentos no local, o que corresponde a uma média mensal de 300 atendimentos, além de 30 atendimentos domiciliares pelo Melhor em Casa, por mês”, informa a Prefietura.

Segundo a fonoaudióloga Angela Schlickman, para melhor atender a demanda e os protocolos de terapia para autistas, dificuldades escolares, dislexias e demais casos, foram agregados também o atendimento com Neurologista Pediátrico, Musicoterapia e Neuropsicopedagogas. “Para completar o grupo de reabilitação estamos em busca de Terapeuta Ocupacional e Psicólogo com ABA, que trata da Análise do Comportamento Aplicada”, ressalta.

Para o prefeito Júlio Campani, a criação do Centro de Desenvolvimento Multidisciplinar Caiense é uma importante conquista para São Sebastião do Caí e é o resultado dos esforços da administração municipal que está sempre trabalhando para atender cada vez melhor as demandas da população, inclusive contratando mais profissionais, visando ampliar e qualificar ainda mais a capacidade de atendimento para a comunidade.

0 Comentários

Deixe um Comentário

treze − dez =

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password

Você não pode copiar o conteúdo desta página