Calçados Jacob vai retomar a produção da Kildare em Maratá

No ano em que comemora seus 30 anos de emancipação, o Município de Maratá traz uma grande notícia à população. Após interromper suas atividades produtivas em 26 de novembro de 2020, a Calçados Jacob, fabricante da marca de calçados masculinos Kildare, vai retomar a produção na planta localizada no centro da cidade.

A informação foi confirmada nesta terça-feira, dia 15, no Gabinete da prefeita Gisele Adriana Schneider, após a reunião realizada com o diretor da Calçados Jacob, Eduardo Kurt Jacob, e o gerente Marcos Alberto Susin. A Administração Municipal, liderada pela prefeita Gisele, manteve contato direto com a empresa no último ano, inclusive intermediando parcerias para que outras empresas utilizassem a área fabril que estava parada.

Prefeita Gisele Schneider esteve reunida com a direção da empresa e recebeu a boa notícia
– Crédito: Júlio Hanauer/Prefeitura

Conforme a prefeitura marataense, a população sente um carinho enorme pela Calçados Jacob, empresa que contribuiu significativamente para o desenvolvimento do município desde 25 de agosto de 1997, ano em que inaugurou suas instalações na cidade. “Os cidadãos nos questionam quando que a empresa voltará a produzir em Maratá, pois há uma relação de carinho entre as pessoas e a fábrica da Kildare, como conhecemos a Calçados Jacob aqui no município. Isso nos motivou a novamente contatar a equipe diretiva para reconquistar a retomada das atividades”, afirma Gisele.

A decisão de voltar com a produção em Maratá se deve ao fato da retomada econômica que impacta no aumento das demandas no setor calçadista. Além disso, a relação entre a comunidade marataense e a Calçados Jacob também teve um grande peso na decisão. As contratações devem ocorrer no decorrer da semana e serão divulgadas.

Quando a Kildare fechou sua fábrica em Maratá, a unidade tinha cerca de 120 funcionários. E na época a Jacob alegou questões logísticas, devido ao cenário adverso, mas que tinha a possibilidade de retomada quando a situação melhorar. Anteriormente a fábrica chegou a gerar 600 empregos diretos. A empresa ainda não divulgou quantos funcionários serão contratados nesta retomada, o quê deve ocorrer quando iniciarem as contratações.

 

 

 

 

0 Comentários

Deixe um Comentário

treze − 1 =

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password

Você não pode copiar o conteúdo desta página