Região mobilizada para arrumar estragos deixados pelo temporal

Quartel dos Bombeiros do Caí também teve danos no telhado e reparos continuam em várias cidades do Vale do Caí - Crédito: Bombeiros

Nos municípios da região atingidos pelos ventos e chuva forte da tarde de ontem, sábado, dia 27, estão ocorrendo uma força tarefa para os consertos dos danos.

Além das quedas de árvores e destelhamentos de casas, muitos pontos ficaram sem luz
– Crédito: Prefeitura e Bombeiros

Os Bombeiros Voluntários e a Defesa Civil de São Sebastião não pararam desde ontem. Hoje três equipes dos bombeiros seguem mobilizadas para atender os diversos chamados. A maior parte dos chamados são referentes às quedas de árvores sobre residências, vias públicas e rede de luz. O coordenador da Defesa Civil, Ênio Santos, estima que pelo menos 50 residências ficaram danificadas pelo vendaval, algumas de forma parcial e outras totalmente, e cerca de 40 árvores e galhos caíram. Até ontem já tinham sido distribuídos cerca de 300 metros de lona. Até mesmo o quartel dos bombeiros ficou destelhado e necessitou de reparos. Em caso de emergência, os contatos devem ser feitos pelos telefones 193, 3635 1949 e 3635 0044.

Sociedade Milionários teve danos no telhado
– Crédito: Prefeitura

Harmonia, que menos de um mês atrás sofreu enormes prejuízos com um violento vendaval, no último sábado voltou a ser afetada. Novamente casas foram destelhadas, árvores, galhos e postes caíram. Parte do telhado da Sociedade Milionários, em São Benedito, junto da divisa com Tupandi, acabou caindo. Também a garagem da Brigada Militar foi danificada pela queda de uma árvore, causando estragos também numa viatura. Desta vez o vento forte atingiu mais o interior, principalmente localidades como São Benedito e Saudades, mas houve também estragos no centro.

Em Bom Princípio uma força tarefa busca consertar os estragos
– Crédito: Prefeitura

Outro município muito atingido foi Bom Princípio. Tanto na cidade, como no interior, vários foram os estragos. A queda de uma parede do prédio do Sindicato dos Trabalhadores Rurais sobre a garagem do quartel dos Bombeiros danificou seis viaturas e carros oficiais da Prefeitura. Muitas casas também ficaram destelhadas, assim como quedas de árvores e ainda pontos com falta de luz. Desde ontem os Bombeiros, Prefeitura, Defesa Civil e comunidade fazem um mutirão para arrumar o quê foi danificado. A Defesa Civil do Estado encaminhou lonas para cobrir casas e prédios destelhados. Foi instalado um gerador de energia junto à bomba da água para retomar o abastecimento no centro, devido à falta de luz. Na Escola Albino David Hartmann, da localidade de Arroio das Pedras, as rajadas de vento derrubaram uma grande árvore que atingiu o telhado do ginásio de esportes e da escola. Pais, alunos e professores fizeram um mutirão para recuperar a estrutura. O mesmo ocorreu em outros pontos do município em que o vendaval deixou um rastro de destruição.

Em mais cidades da região também ocorreram estragos, como Maratá, Brochier, Harmonia, São José do Sul, Tupandi e outras o temporal também gerou prejuízos.

0 Comentários

Deixe um Comentário

3 × cinco =

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password

Você não pode copiar o conteúdo desta página