Região terá novos policiais civis em maio

Comitiva de Montenegro esteve reunida com a chefe da Polícia Civil no Estado, Nadine Anflor - Crédito: ACOM/Prefeitura de Montenegro
Uma comitiva de Montenegro esteve reunida ontem, quarta-feira, dia 21, com a chefe da Polícia Civil no Estado, Nadine Anflor, no Palácio da Polícia. Participaram do encontro o prefeito em exercício, Cristiano Braatz, o gerente de Contratos e Convênios do Município, Silvio Kaél, o presidente da Câmara de Vereadores, Talis Ferreira, o delegado regional, Marcelo Farias Pereira, o deputado estadual Sérgio Turra (Progressistas) e a representante do Progressistas, Daniela Boos.
Uma das pautas foi a necessidade de maior efetivo em Montenegro e região. A Chefe da Polícia anunciou que, em maio, três novos policiais serão designados para o Vale do Caí.
Outro ponto trazido pelo delegado Marcelo é a ideia de que o Estado possa ceder o prédio do IPE para a instalação de uma Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (DRACO). Nadine Anflor analisou como positiva a proposição, já que o prédio é do Estado, uma vez que a Polícia gasta cerca de R$ 1 milhão mensais com aluguel de prédios.
Atualmente, a Delegacia Regional tem o custo do aluguel do prédio pago pela Prefeitura de Montenegro. A Administração espera que se consiga, então, reunir as duas unidades no mesmo local, aliviando o Município dessa despesa, que soma quase R$ 100 mil ao ano.
Já nesta quinta-feira, dia 24, o delegado Marcelo Farias e representantes da Prefeitura vão se reunir para elaboração de uma proposta concreta para a instalação da DRACO no município. Cristiano Braatz saiu satisfeito com a reunião. “Somos parceiros da Polícia Civil. Juntos, vamos trabalhar para melhorar ainda mais a atuação de nossos valorosos policiais”, disse o prefeito.

0 Comentários

Deixe um Comentário

4 × dois =

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password

Você não pode copiar o conteúdo desta página