Prefeitura do Caí quita dívidas de precatórios e Fundo da Previdência para economizar nos juros

Município pagou hoje mais de R$ 5 milhões de dívidas anteriores - Crédito: Prefeitura

A Prefeitura de São Sebastião do Caí realizou nesta segunda-feira, dia 31, o pagamento de duas dívidas, que impactam de forma importante nos cofres do município. Trata-se do pagamento da dívida dos precatórios municipais e um terço da dívida do município com o Fundo Municipal de Previdência.

O prefeito Júlio Campani, juntamente com o secretário da Fazenda, Jônatas Weber, e da contadora do município, Eliane Buneker, anunciou o pagamento, realizado hoje no valor de R$ R$ 3.806.188,90, correspondente ao total de dívidas com precatórios que o município acumulava há muitos anos. Além disso, também quita nesta segunda-feira o valor de um terço da dúvida que o município tem com o Fundo Municipal de Previdência, de R$ 1.488.371,44, cujo restante será pago em mais duas parcelas, uma em 2023 e outra em 2024.

Segundo a Administração Municipal, o pagamento antecipado dessas duas dívidas irá gerar uma economia de milhões para os cofres municipais. “Vale ressaltar que, para não sacrificar em demasia o orçamento municipal e penalizar a população com restrição de investimentos, buscamos um financiamento na Caixa Federal, já aprovado, de R$ 6 milhões, com juros de 8% ao ano e quitação em 60 meses. Na prática, trocamos duas dívidas com encargos na faixa de 50% ao ano, por uma dívida com encargo de somente 8% ao ano e com prazo de quitação em 5 anos enquanto que com os precatórios tínhamos uma dívida a perder de vista, e o Fundo de Previdência seria quitado somente em 2035,” explica Campani.

Conforme o secretário Municipal da Fazenda Jonatas Weber, essa foi uma ótima ação de gestão, com enorme impacto no médio e longo prazo. “Dessa forma as futuras administrações terão mais recursos para investir”, projeta.

Ainda na tarde de hoje, o prefeito Campani e o secretário da Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de São Sebastião do Caí, João Marcos Guará, no ato representando o presidente Evaldo Kievel, entregaram em mãos ao diretor do Fórum da comarca, juiz Régis Pedrosa Barros, o comprovante da quitação dos precatórios do município.

No mês passado, em entrevista ao Fato Novo, Jônatas já tinha revelado que o objetivo do governo é terminar o mandato sem dívidas e com isso economizar no pagamento de encargos e juros a médio e longo prazo.

0 Comentários

Deixe um Comentário

14 − 2 =

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password

Você não pode copiar o conteúdo desta página