Professores de Bom Princípio comemoram reajuste e cumprimento do piso nacional do magistério

Comitiva de professores esteve na sessão extraordinária da Câmara onde o projeto foi aprovado por unanimidade - Crédito: Reprodução

Um grupo de professores de Bom Princípio esteve na sessão extraordinária da Câmara de Vereadores da noite da última terça-feira e em vídeo se manifestou sobre os projetos aprovados, com relação a reajuste e o piso nacional do magistério. Ressaltaram que foi uma luta que vinha desde setembro do ano passado, quando ocorreram reuniões com prefeito e sindicato. Comemoraram que a partir de maio o piso nacional do magistério será cumprido no município, aguardando agora a sanção por parte do prefeito Fábio Persch. Manifestaram ainda que existem pessoas, que não fazem parte do magistério, propondo alterações no regimento e disseram que não vão aceitar, ressaltando a união e a mobilização para tornar a categoria dos professores cada vez mais forte e valorizada.

Vários projetos foram votados na sessão extraordinária, convocada pelo prefeito em exercício, João Guilherme Weschenfelder, o Joãozinho, entre eles os encaminhados pela Prefeitura e pela própria Câmara. Entre as propostas analisadas estavam quanto ao índice para revisão anual e reajuste para os servidores públicos municipais, autorização para desapropriação de área para implantação de empreendimento industrial, ampliação do número de cargos de auxiliar de sala de aula, reposição das perdas inflacionárias e reajuste para vereadores, servidores do legislativo, prefeito, vice-prefeito e secretários municipais.

Para os servidores municipais o reajuste será de 8,14%. Já aos professores reajuste de 11,52%, equiparando ao piso nacional do magistério de 4.580 reais. O projeto foi aprovado por unanimidade.

Quanto a alienação de área para implantação de empreendimento industrial, através de desapropriação, também foi aprovado por unanimidade dos nove vereadores.

Sobre a alteração do quadro constante, para a ampliação de mais 44 cargos de auxiliar de sala de aula em escolas municipais, sendo que atualmente são 15. A proposta visa a substituição do mesmo número de contratos emergenciais existentes no ano passado, através da nomeação de concursados. Foi também aprovado por todos os vereadores.

Quanto ao reajuste dos vereadores e servidores da Câmara, de aumento real de 3,52% e mais 4,62% de reposição, também foi aprovado por unanimidade.

Nos mesmos moldes foi aprovado o reajuste aos secretários municipais, prefeito e vice.

Os vereadores voltam a se reunir no próximo dia 5 de fevereiro, 18h sessão solene de abertura do ano legislativo, seguida de sessão ordinária às 19h.

0 Comentários

Deixe um Comentário

dezessete + 5 =

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password

Você não pode copiar o conteúdo desta página