Dois jovens foram flagrados com mangueira contendo drogas, chips de celular e resistências de chuveiro - Crédito: BM

No início da madrugada de ontem, terça-feira, dia 18, por volta de meia hora, a Brigada Militar voltou a prender indivíduos que tentavam ingressar drogas e outros materiais no interior da Penitenciária do Pesqueiro. Novamente era utilizada uma mangueira para o arremesso. E além de drogas e chips de celular, no interior da mangueira tinham 16 resistências para chuveiros que tinham como destino apenados.

Após a guarda externa Modulada ter avistado dois indivíduos nas proximidades do muro da penitenciária, tentando passar uma mangueira para o interior do pátio da penitenciária, de imediato foi informado o 5º BPM, que deslocou uma guarnição para o local. Foram abordados dois jovens, de 18 e 17 anos. O maior inclusive já tinha antecedentes por tráfico de drogas. E o menor por roubo a pedestre. Eles estavam tentando introduzir uma mangueira de aproximadamente 50 metros, contendo 1485 gramas de maconha, 185 gramas de cocaína, um cartão de memória, um adaptador pra cartão de memória, 15 chips pra telefone e 16 resistências para chuveiro. Ao serem indagados, os jovens informaram que foram deixados no local por um casal em um veículo de cor bege. Durante as buscas nas proximidades da penitenciária, foi efetuada abordagem ao automóvel Fox, com placas de São Leopoldo, conduzido por um homem de 36 anos e tendo como passageira uma mulher de 45 anos. O homem já tinha antecedentes como por homicídio, posse de drogas, lesões corporais e corrupção de menores, entre outros. E a mulher por tráfico, ameaças, desobediência e difamação. Segundo a Brigada, ambos confirmaram que haviam deixado os jovens no local.

Os quatro detidos foram encaminhados para a Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) de Montenegro, onde foi lavrado o flagrante. Os três maiores foram recolhidos ao sistema carcerário e o menor arrolado como testemunha.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here