Motoristas embriagados: um foge de acidente e outro corre para o mato

No último final de semana foram registrados mais casos de motoristas dirigindo embriagados. Em duas ocorrências, em Montenegro, a situação foi ainda pior. Num deles um dos condutores se envolveu em acidente e fugiu do local, sendo detido posteriormente pela Brigada Militar. E no outro se constatou que o motorista estava foragido da Justiça e tentou fugir para um matagal. Ambos foram presos. Como em outros casos de embriaguez ao volante, colocam em risco não só a vida deles, como de demais pessoas.

Sem CNH e dirigindo bêbado

Na madrugada do último domingo, dia 8, em torno de 1h30, durante patrulhamento tático motorizado, a equipe da Força Tática da Brigada avistou um automóvel Fiat Palio com as luzes apagadas trafegando pela Avenida Ernesto Pop, em Montenegro. Ao se aproximar e emitir sinal sonoro com a sirene do giroflex, o motorista não obedeceu à ordem de parada e fugiu na direção da RSC 287. Ele foi acompanhado por cerca de 11 quilômetros até a altura da localidade de Muda Boi, onde abandonou o veículo e fugiu a pé para o mato. Os PMs conseguiram alcançá-lo e foi imobilizado. Foi constatado que ele não possuía carteira de habilitação e estava vinculado ao sistema prisional.  Os PMs citam que apresentava hálito etílico, sendo disponibilizado o bafômetro, mas ele recusou-se a fazer o teste. O veículo foi apreendido e o indivíduo encaminhado para a Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) onde foi autuado por direção perigosa e desobediência.

Bateu e fugiu

Outra ocorrência, registrada no sábado, foi de embriaguez ao volante e fuga do local do acidente. O fato ocorreu na noite do dia 7, por volta de 22h40. A Brigada foi chamada devido a um acidente com danos materiais, onde foi informada que um automóvel Fiat Siena que transitava na rua Buarque de Macedo para a Alberto Gotselig efetuou a conversão muito aberta e veio a colidir com um Fiat Argo. Os PMs foram informados que o motorista do Siena fugiu do local do acidente, indo na direção do bairro Rui Barbosa. Ele foi localizado na Rua João Candido, onde foi abordado. Segundo os policiais, apresentava sinais de embriaguez, como hálito etílico, andar cambaleante e fala enrolada. Foi levado ao hospital Montenegro para laudo médico e depois apresentado na DPPA, onde foi arbitrada fiança de um salário mínimo para ter o direito de responder ao processo em liberdade.

0 Comentários

Deixe um Comentário

dois × 4 =

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password

Você não pode copiar o conteúdo desta página