Retirados outdoors de apoio ao presidente

Remoção das placas ocorreu por determinação da Justiça Eleitoral - Reprodução/FN

Na tarde de hoje, sexta-feira, dia 19, foram retirados dois outdoors de apoio ao presidente Jair Bolsonaro, que tinham sido colocados nas margens de rodovias de Montenegro.

A retirada foi determinada pela juíza eleitoral Débora de Souza Vissoni, sob a justificativa de que outdoors com propaganda eleitoral são proibidos pela legislação desde 2006, em período eleitoral oficial ou não. No final de julho a Justiça notificou o Diretório Municipal do PL, partido do presidente, para que fizesse a retirada das placas. A sigla alegou que não era de sua responsabilidade, pois os outdoors teriam sido colocados por apoiadores do presidente. Depois foi notificado o Daer, já que as placas estavam nas margens de rodovias estaduais. Entretanto, o Departamento alegou que ambos os outdoors estavam fora da área de domínio do Daer, em áreas particulares, não podendo efetuar a retirada.

Por último, a Justiça notificou a Prefeitura de Montenegro, na última terça-feira, dando prazo de três dias para as providências necessárias para a remoção dos dois outdoors, um deles situado na altura do quilômetro 470 da RSC 287, na altura da localidade de Passo da Serra, e outro no quilômetro 28 da RS 124, no bairro Aeroclube. O cumprimento das medidas, nesta sexta-feira, foi acompanhado pelo chefe do cartório eleitoral. Uma das placas foi retirada pela Prefeitura e a outra pelo próprio proprietário da área.

A denúncia quanto aos outdoors partiu do diretório estadual do PT, alegando ocorrência de propaganda irregular, já que o presidente é candidato à reeleição. O mesmo já tinha ocorrido em 2018, quando foi determinada a retirada da placa que estava na margem da RSC 287, altura do bairro Cinco de Maio.

0 Comentários

Deixe um Comentário

3 × 1 =

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password

Você não pode copiar o conteúdo desta página