Carroças podem ser substituídas por triciclos

Projeto já é desenvolvido em Canoas - Reprodução/FN

O vice-prefeito Cristiano Braatz recebeu nesta sexta-feira, dia 29, o secretário extraordinário dos Direitos dos Animais de Canoas, Gabriel Gonçalves. Gabriel detalhou a forma como a cidade da região metropolitana vem implementando o programa para substituição de veículos de tração animal por meios alternativos, movidos pelos próprios trabalhadores. Participaram do encontro o diretor de Captação de Recursos da Prefeitura, Rafael da Cruz, a diretora de Políticas de Formação e Qualificação Profissional, Cristiana Gomes, e o representante do deputado federal Osmar Terra (MDB), José Alfredo Schmitz.

Cristiano lembra que este é um compromisso escrito no plano de governo e liderado pelo prefeito Gustavo Zanatta. “Temos duas preocupações: cuidar desses animais para que não sejam maltratados e garantir melhores condições de trabalho para estes homens e mulheres”, explicou o vice-prefeito.

Reunião na Prefeitura tratou da possibilidade do município receber R$ 250 mil de emenda parlamentar para investir nos triciclos
– Crédito: ACOM/Prefeitura

Canoas desenvolve desde 2018 um projeto que proíbe, em todo o município, a circulação de veículos de tração animal (VTA) e a exploração animal para o transporte de cargas e de passageiros. Houve um prazo de dois anos para a adaptação. A fim de inserir estes trabalhadores no mercado de trabalho, foram planejadas ações como cursos de qualificação, ensino e alfabetização de jovens e adultos. A proposta foi a substituição dos cavalos e carroças por triciclos adaptados para estas atividades desempenhadas. A adesão é voluntária. Quem for flagrado utilizando VTA é advertido e multado, podendo ter o animal e o veículo apreendidos.

José Alfredo confirmou que o deputado Terra está liberando, através de emenda parlamentar, um recurso de RS 250 mil para viabilizar, entre outras medidas, a compra dos triciclos. Agora, o projeto será formatado, considerando a realidade do município e seus indicadores sociais, para ainda este ano encaminhar o texto à Câmara de Vereadores.

0 Comentários

Deixe um Comentário

3 × 1 =

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password

Você não pode copiar o conteúdo desta página