Na última eleição Dirceu já foi candidato a deputado pelo Partido Novo e foi o mais votado da região - Reprodução/FN

Foi anunciado no último dia dia 5 de março, durante o Encontro Estadual do Partido NOVO, o interesse do felizense Dirceu Quadros em concorrer novamente a deputado estadual. Ele está inscrito no processo seletivo do Partido, buscando sua aprovação para poder concorrer.

Graduando em Direito pela Unisinos, Dirceu foi candidato nas eleições de 2018, obtendo 4.982 votos, sendo o candidato mais jovem do partido no Brasil, aos 21 anos de idade. Foi o mais votado entre os candidatos a deputado do Vale do Caí. Após o último pleito, Dirceu foi selecionado em um processo seletivo para trabalhar na Câmara dos Deputados, onde passou a assessorar os oito deputados federais do Partido. Mais recentemente Dirceu passou a integrar o gabinete do deputado Marcel van Hattem, representando o seu mandato no Rio Grande do Sul, em reuniões, fiscalizações e demais eventos.

Dirceu tem participado dos movimentos na região, como recentemente o protesto contra o pedágio no Caí
– Reprodução/FN

Dirceu se comprometeu a reduzir gastos desnecessários, como verba de gabinete e privilégios, e  combater o aumento de impostos. Destaca que toda a campanha será financiada com dinheiro de apoiadores voluntários, uma forma de substituir o uso de dinheiro do pagador de impostos usado no Fundo Eleitoral, instrumento que Dirceu considera um absurdo. Ele também, antes do envolvimento com a política, trabalhou no Ministério Público, Judiciário e advocacia, e pretende utilizar esse conhecimento para implementar medidas de combate à corrupção. “Buscaremos essa eleição, dessa vez mais preparados e com mais experiência, mantendo o mesmo idealismo de sempre. Precisamos de um representante do Vale do Caí na Assembleia legislativa, mas mais do que isso, um representante local que seja alinhado com os maiores anseios populares: o combate aos privilégios, redução dos gastos públicos, redução da interferência do estado na vida do cidadão, menos impostos e mais liberdade” afirma Dirceu.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here