Secretária da Saúde do Estado, Arita Bergmann, anunciou vencedores em transmissão pela internet na manhã desta sexta-feira - Foto: Marília Bissigo / Ascom SES

Na manhã de sexta-feira, dia 20, o Governo do Estado anunciou os vencedores da segunda etapa do Prêmio Te Vacina RS, que reconhece os municípios que mais vacinaram contra o coronavírus no Rio Grande do Sul. O município da Feliz foi o único da região Nordeste do Estado e que integra a 5ª Coordenadoria Regional de Saúde (CRS), a receber a premiação.

A premiação é dividida pelo tamanho dos municípios. Na categoria de 10 a 50 mil habitantes, Feliz obteve o segundo lugar no Estado entre 329 cidades e irá receber R$ 50 mil. O valor dos prêmios para os primeiros colocados varia entre R$ 50 e R$ 150 mil. O dinheiro do Te Vacina RS deve ser usado pelas prefeituras exclusivamente para investimento em ações na Atenção Primária à Saúde. O município de Júlio de Castilhos foi o vencedor entre as cidades de 10 a 50 mil habitantes e irá receber R$ 75 mil como prêmio.

O levantamento é realizado de acordo com quantas doses cada município recebeu e aplicou. Nesta segunda fase foram consideradas doses aplicadas e registradas no Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunizações (SI-PNI) até 17 de agosto. O índice foi obtido dividindo a quantidade de doses aplicadas pelas vacinas distribuídas por município.

O prefeito felizense Junior Freiberger considera o segundo lugar no Estado um reconhecimento ao trabalho que vem sendo realizado pela equipe de vacinação do município, num trabalho conjunto dos profissionais de saúde. Feliz aplicou a primeira dose para 68% da população elegível e 37% já vez a segunda dose ou recebeu a dose única.  

Segundo a Enfermeira epidemiológica e responsável pela sala de vacinas, Natália Martini, esse prêmio simboliza todo trabalho e dedicação que vem sendo realizado pela equipe de vacinação desde do início. É o reconhecimento pelo trabalho em em conjunto e também pela colaboração dos munícipes. “Nosso esforço valeu a pena”, declara a enfermeira.

A secretária estadual da saúde, Arita Bergmann, que anunciou os vencedores, disse que “o prêmio Te Vacina não é somente da gestão municipal, mas dos vacinadores e da população: nosso trabalho é concretizado no município”.

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here