Uso múltiplo da água é a demanda mais votada na Consulta Popular

Mesmo tendo sido prorrogada em 15 dias, a Consulta Popular, que iniciou em 22 de novembro e se encerrou na última quarta-feira, 15 de dezembro, teve baixa participação dos eleitores.

 

O Estado disponibilizou R$ 30 milhões para serem divididos entre as 28 regiões dos Conselhos Regionais de Desenvolvimento (Coredes). Para o Vale do Caí serão disponibilizados R$ 1.028.571 para aplicar em um projeto. Eram três demandas na cédula, com votação pela internet.

 

A mais votada no Vale do Caí, com 1.650 votos, foi para o Uso múltiplo da água, incluindo estrutura de abastecimento humano e dessedentação animal, com preservação e proteção de nascentes, estruturação de captação e armazenamento de água dos telhados, construção de micro açudes, aquisição de veículos e equipamentos distribuidores de água potável e implantação de sistema de irrigação, devendo a comunidade decidir com o Conselho de Agricultura como será a aplicação dos recursos. As outras demandas eram referentes ao armazenamento de água, que receberam 112 e 62 votos.

 

No total 1.824 eleitores, de 19 municípios do Vale do Caí, votaram na Consulta Popular deste ano, o que representa 2,14% do eleitorado da região. Sobre a participação, o presidente do Corede Vale do Caí, Alzir Bach, disse que houve pouca votação em todo o Estado, em parte devido aos problemas no aplicativo, o quê obrigou a prorrogar o prazo. Os municípios com maior participação vão garantir recursos.

0 Comentários

Deixe um Comentário

treze + oito =

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password

Você não pode copiar o conteúdo desta página