Campanha da Fraternidade tem a fome como tema

Divulgação/FN

A Diocese de Montenegro, que abrange os municípios do Vale do Caí, realizou hoje, quarta-feira, dia 22, um encontro com coordenadores dos Centros de Referência de Assistência Social – CRAS e dos Centros de Referência Especializado de Assistência Social – CREAS dos municípios que formam o território da Diocese, e também, representantes das Pastorais Sociais diocesanas.

O encontro, na Cúria de Montenegro, deu início às reflexões sobre o tema da Campanha da Fraternidade 2023. O objetivo geral da campanha é sensibilizar a sociedade e a Igreja para enfrentarem o flagelo da fome, sofrido por uma multidão de pessoas, por meio de compromissos que transformem esta realidade a partir do Evangelho de Jesus Cristo. É a terceira vez que a CNBB propõe reflexão sobre a fome durante a quaresma, que vai entre o carnaval e a Páscoa.

No mesmo dia, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) lançou oficialmente, nesta quarta-feira de cinzas, que marca o início do tempo Quaresmal, a Campanha da Fraternidade de 2023, com o tema Fraternidade e Fome”. Conforme uma pesquisa da Rede Brasileira de Pesquisa em Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional, divulgada em junho do ano passado, 33,1 milhões de pessoas não têm o que comer diariamente no país. O número é quase o dobro do contingente estimado em 2020 e representa 14 milhões de pessoas a mais passando fome no Brasil. De acordo com a mensagem deixada pelo Papa Francisco aos fiéis brasileiros, a partilha deve se tornar uma “atitude constante”.

0 Comentários

Deixe um Comentário

um × 3 =

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password

Você não pode copiar o conteúdo desta página