Projeto não será mais votado na noite de hoje na Câmara de Vereadores de Montenegro - Arquivo/FN

No início da tarde desta quarta-feira, dia 13, o presidente da Câmara de Montenegro, vereador Talis Ferreira (PP), emitiu nota informando que o projeto que criava cargos de novos assessores para vereadores tinha sido retirado da pauta de votação de hoje. Com isso, a proposta de um segundo vereador para cada um dos vereadores não será mais votada nesta quinta-feira.

O projeto vinha causando grande polêmica e repercussão, com muitas manifestações contrárias e até abaixo-assinado nas redes sociais. Uma grande mobilização estava prevista para a sessão de hoje, que foi antecipada em razão da semana santa. O projeto foi apresentado na última quinta-feira, gerando debate e dividindo os vereadores. Na comissão geral da pareceres (CGP) ontem chegou a ter parecer favorável de quatro dos cinco vereadores integrantes e poderia ser votado na noite de hoje. Mas agora só poderá voltar se for reformulado, passando novamente por análise.

Manifestação do presidente da Câmara, Talis Ferreira

Presidente da Câmara, Talis Ferreira, emitiu nota sobre a retirada do projeto
– Reprodução/FN

“Venho a público dizer que desde que entrei na política, meu propósito sempre foi ter humildade e ouvir a voz do povo, e ficar ao lado de vocês. Na semana passada entrou projeto que aumentaria o número de assessores na câmara de vereadores, o que ajudaria o vereador no trabalho do dia a dia que são muitos, a cidade cresceu e as demandas também. Mas como disse acima meu propósito como político sempre foi ouvir o povo e atender seus anseios, e não posso rasgar meu discurso, diante disso ouvindo o povo MONTENEGRINO vejo que não aprovam o projeto que cria mais assessores, então com muita humildade retiramos o projeto atendendo a voz do povo que com seus impostos pagam nossos salários. Sigo trabalhando ouvindo a todos e ajudar quem precisa.”

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here