Parque Centenário deverá ter Praça da Inclusão

Espaço terá brinquedos adaptados para cadeirantes e crianças com mobilidade reduzida - Crédito: ACOM/Prefeitura

A Prefeitura de Montenegro foi habilitada para assinar o convênio que visa a construção de uma praça inclusiva dentro da reformulação do Parque Centenário. A ação faz parte do programa Avançar no Turismo RS, do Governo do Estado, que trará para a cidade a Praça da Inclusão, uma iniciativa que beneficiará toda a população local e regional, sendo a primeira e uma das pioneiras no Rio Grande do Sul.

O projeto idealiza um espaço em tons de azul, que desperta a calma e maior equilíbrio em crianças autistas, além de trazer brinquedos totalmente inclusivos, adaptados para cadeirantes e crianças com mobilidade reduzida. O planejamento do espaço conta com rampas de acesso, guarda-corpo metálico e piso tátil, incluindo piso de borracha nos playgrounds, tornando o espaço acessível e evitando lesões graves em caso de quedas. Segundo o secretário municipal de Gestão e Planejamento, Rafael Cruz, o projeto também busca suprir a carência de espaços de lazer acessíveis e inclusivos para as crianças.

Praça inclusiva terá investimento de R$ 768 mil
– Crédito: ACOM/Prefeitura

O titular da pasta ainda relata que o local terá playgrounds com brinquedos acessíveis e sensoriais, como balanço para cadeirantes, gangorra, domo scandere, cavalo de mola, gira-gira, balanços, túnel, entre outros. “É uma conquista importante para a comunidade, mas principalmente para as crianças autistas e com problemas de mobilidade”, enfatiza o secretário. A equipe de trabalho, que fez parte da produção do projeto, é formada pelo secretário Rafael, pela diretora de Acompanhamento de Ações de Governo, Valéria Wollmann, pela chefe de Serviço de Gestão de Processos, Victória Coitinho Luft, pelo diretor de Desenvolvimento de Projetos, Daniel Vargas de Oliveira, pelo diretor de Captação de Recursos, Patrick Zaboski Pinho, e pela estagiária de Arquitetura Nicole Azeredo. Além disso, a equipe contou com o apoio do diretor de Turismo, Jaime Buttembender.

Segundo o prefeito, Gustavo Zanatta, a habilitação da cidade no programa é o resultado de um trabalho sério que é desenvolvido na busca de recursos do Estado e da União. “A Praça da Inclusão é um exemplo de projeto que visa trazer qualidade de vida para a população montenegrina”, enfatiza o chefe do executivo. O valor total da obra é de R$ 768.670,91, sendo R$ 172.950,96 de contrapartida do poder público municipal. Nos próximos dias, o município assinará o convênio com o Estado para a construção da Praça.

0 Comentários

Deixe um Comentário

3 × cinco =

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password

Você não pode copiar o conteúdo desta página