Empresa de Tupandi volta a assumir coleta do lixo em Montenegro

Novo contrato emergencial deve ser assinado nesta segunda-feira - Arquivo/FN

Após alguns dias de transtornos, em que a coleta do lixo foi realizada por servidores da própria Prefeitura e detentos do regime semiaberto, os serviços devem voltar à normalidade nesta sexta-feira. Já nesta noite, a empresa Rodrigo Junges e Cia Ltda, com sede em Tupandi, estará nas ruas fazendo o recolhimento. Ela foi a vencedora do processo de contratação emergencial deflagrado na terça-feira, depois que a Ecosul demitiu todos os funcionários, recolheu seus caminhões e abandonou os trabalhos em Montenegro.

A concorrência foi dividida em dois lotes e 15 empresas participaram do processo. O primeiro lote prevê a coleta dos resíduos na cidade e no interior e o transporte até a estação de transbordo. O segundo, o deslocamento do lixo da estação até o depósito final, em Minas do Leão. A Junges venceu os dois e receberá, respectivamente, R$ 243.207,03 e R$ 70.405,84. Ao todo, serão R$ 313.612,87 por mês. A cidade produz, em média, 40 toneladas de rejeitos por dia.

Em relação aos valores pagos para a Ecosul – em média, R$ 250.839,23 por mês – o serviço ficará um pouco mais caro. Para o chefe de gabinete do prefeito, Renan Boos, essa situação já era esperada. “Antes da Ecosul assumir, era a Junges que fazia a coleta do lixo e, na época, recebia R$ 308 mil por mês. Como aquele contrato expirou em agosto e tivemos de fazer um novo, ganhou a Ecosul, que propôs o valor menor, mas a qualidade do serviço caiu muito e ela acabou abandonando a cidade”, observa. “São situações decorrentes da Lei das Licitações, sobre as quais não temos, como gestores, qualquer poder ou ingerência”, ressalta.

O prefeito Gustavo Zanatta fez um agradecimento especial a todos que participaram da operação especial de coleta, esta semana, e também à equipe responsável pelo processo de contratação da nova empresa, pela agilidade no desfecho da crise. “É muito bom saber que temos uma equipe que pega junto, que vai além das suas obrigações em benefício da comunidade”, afirma. “Muito obrigado a todos que colaboraram. Enquanto vemos, em muitas cidades, crises dessa natureza se alongando por semanas e até meses, aqui conseguimos resolver tudo em quatro dias. Parabéns!”, concluiu.

0 Comentários

Deixe um Comentário

catorze − dez =

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password

Você não pode copiar o conteúdo desta página