Mateu recebe transplante de medula na próxima terça-feira

Emoção: Mateu recebeu a visita da apresentadora Xuxa no hospital em Barretos - Reprodução/FN

Está chegando o dia. Na próxima terça-feira, 4 de janeiro, o montenegrino Mateu Coitinho dos Santos, de 9 anos, deve receber o tão sonhado transplante de medula óssea. Ele e a mãe Josiane Coitinho estão no Hospital de Barretos, em São Paulo, onde Mateu está no período do pré transplante. “É a fase de condicionamento, com sessões de radioterapia e quimioterapia, até a infusão da medula nova na terça-feira. Está tudo correndo muito bem”, diz Josiane, bastante otimista.

Menino montenegrino luta para se curar da leucemia
– Reprodução/FN

Desde fevereiro do ano passado Mateu está lutando contra a leucemia. Oito meses depois surgiu a boa notícia de que foi encontrado um doador 100% compatível. O tratamento prosseguiu com as quimioterapias no Hospital de Clínicas de Porto Alegre e no final de novembro viajou para Barretos. O transplante de medula óssea estava previsto inicialmente para novembro. Mas primeiro teve que ser feito um tratamento para eliminar um vírus, que 90% das pessoas tem, mas que poderia prejudicar o transplante. Foi remarcado para 22 de dezembro. Mas aí ficou na dependência de conseguir novo leito especial, com isolamento, o quê não tinha disponível. Foi então agendado para 4 de janeiro.

Com o adiamento do transplante e como o Mateu estava bem, obteve autorização para passar a semana do Natal em Montenegro, com a família. Com tudo já encaminhado, dia 26 de dezembro retornou para Barretos e no dia seguinte foi novamente internado, iniciando o processo do pré transplante. “Após o transplante deveremos ficar em Barretos por um período de 3 a 6 meses, dependendo a resposta do organismo do Mateu”, explica Josiane.

Ajuda da comunidade

Em razão das muitas despesas, incluindo hospedagem, alimentação e deslocamentos, foi lançada uma campanha de arrecadação que envolve várias ações. Foi criada uma vaquinha online que pode ser acessada pelo link https://www.vakinha.com.br/vaquinha/em-busca-da-cura-mateu. Doações também podem ser feitas pelo PIX, através do CPF 00483587036. E várias outras ações foram lançadas, como rifa, tampinha solidário e coleta de lixo reciclado, pedágio, Domingueira Beneficente, entre outras.

Super Mateu: menino é um super-herói na luta contra a leucemia
– Crédito: Vêrsa

A ajuda da comunidade é muito importante na campanha em busca da sonhada cura do Mateu, que é é morador do bairro Senai, em Montenegro. “Sempre foi uma criança muito saudável, ativa e esperta. Adora jogar futebol e andar de bicicleta”, conta a mãe. Ela lembra que em fevereiro ele teve um pouco de febre e uma manchinha no rosto, que chamou mais a atenção. “Procuramos a pediatra e a doutora Ariadene Duarte pediu exames. No mesmo dia identificou um risco muito grande de leucemia. Ligou para Porto Alegre e após novos exames já encaminhou para o Hospital de Clínicas. Falou que era preciso atendimento urgente. A biopsia confirmou e no dia 11 de fevereiro o Mateu já realizou a primeira quimioterapia”, recorda.

Como a doença tem sido muito forte e persistente, foi encaminhado para transplante de medula. Iniciou a busca de doadores no banco de medula. Em setembro foi informado que teria um possível doador compatível, mas que no Hospital de Clínicas só poderia ser feito o transplante a partir de abril do próximo ano, devido à fila de espera. Como Mateu corre contra o tempo, foi encaminhado para Barretos. Se tudo der certo, o acompanhamento médico poderá prosseguir depois em Porto Alegre. “Estamos muito felizes, agradecidos e esperançosos com a energia e orações. É uma batalha, mas vamos vencer”, agradece Josiane.

A ajuda financeira é muito importante. Mateu e Josiane alugaram um local para ficar em Barretos depois do transplante. E como Mateu estará sem imunidade, não pode ser um local compartilhado por mais pessoas, devido ao alto risco de infecção. Precisa de um local isolado e seguro.  “É muito difícil para uma mãe ver o filho passando por isso. O tratamento é intenso e doído. Mas o Mateu é um exemplo de força, sempre sorrindo e brincando. Mesmo nos dias mais difíceis sempre está sorrindo. Temos certeza da cura dele.”, afirma Josiane, agradecendo o apoio de todos. Lembrou da mobilização que já houve quando foi necessária a doação de sangue. “Quero agradecer a todo mundo que está ajudando e orando por mim. Estou muito feliz. Logo estarei curado e correndo nas ruas de Montenegro”, diz Mateu, que durante a internação teve a grata surpresa de receber a visita da apresentadora Xuxa. “Não sei quem ficou mais feliz, se eu ou ele. Que emoção conhecer a Xuxa e ver os olhos do Mateu brilhando sem acreditar que era ela mesmo”, conta Josiane, sobre a visita da “Rainha dos Baixinhos”.

0 Comentários

Deixe um Comentário

cinco × 5 =

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password

Você não pode copiar o conteúdo desta página