Mutirão de limpeza é uma das tarefas da gincana que ocorre durante este mês de junho - RBS TV/Reprodução

Conversando em casa, o empresário João Batista Dias e a esposa Cristiane Gehrke pensaram em alguma atividade para o mês do meio ambiente. “Tita”, como é mais conhecido, é gerente da empresa Montepel Assessoria Ambiental e foi o criador do Eco Pila, uma moeda montenegrina que surgiu em 2018 para ser utilizada na compra de materiais recicláveis como latinhas, papelão, jornal e plástico. O Eco Pila é um sucesso e já virou notícia no Jornal Nacional e até tema de painel internacional. Toda quinta-feira de manhã os montenegrinos se dirigem até a Praça Rui Barbosa, no centro da cidade, para trocar os materiais recicláveis pela moeda que é aceita como dinheiro em vários estabelecimentos comerciais.

Gincana tem a participação de quatro equipes
– Reprodução/FN

Com toda essa ligação o a área ambiental, Tita e Cristiane pensaram em algo para a programação para este mês de junho. Foi quando decidiram resgatar as tradicionais gincanas. “Como não tinha condições de organizar sozinho, convidei o Sesc para auxiliar na organização e criação das tarefas”, lembra. E assim surgiu a Gincana Socioambiental Montepel/Sesc.

Em sua primeira edição, a gincana conta com quatro equipes, cada uma com até dez pessoas. Cada equipe, na inscrição, escolheu uma entidade para ajudar, como hospital, asilo e outras. Uma das tarefas, por exemplo, é a arrecadação de resíduos recicláveis, com o dinheiro arrecadado revertido para a entidade escolhida. Outras tarefas foram desfile com roupas customizadas, criação de clipe musical, gravar vídeos sobre conscientização ambiental, mutirão de limpeza, entre outras. “A premiação vai ser em cestas básicas, destinadas para entidades ou instituições. O intuito da gincana é ajudar, tanto na conscientização ambiental como as pessoas que necessitam”, ressalta Tita.

Destaque no Jornal do Almoço

Julio Hoerlle, da Escola São José do Maratá, fala da participação na gincana
– RBS TV/Reprodução

A Gincana Socioambiental foi destaque no quadro Compartilhe RS deste sábado, dia 26, do programa Jornal do Almoço, da RBS TV. A apresentadora Isabel Ferrari falou então da iniciativa que surgiu em Montenegro. Além de Tita, também falou o diretor da Escola Estadual São José do Maratá, Julio Hoerlle, sobre a mobilização dos alunos para a gincana. “Até o final do mês esperamos cumprir todas as tarefas e arrecadar o maior número possível de resíduos”, destacou. Outra participante, a aposentada Noelia Schmitt, de 81 anos, do grupo Maturidade Ativa, ressaltou que “se mais pessoas tivessem esse pensamento de conscientização ambiental, nossas ruas não teriam o lixo jogado que a gente vê”.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here