Feliz cria o Banco de mobília

Uma demanda da população, trazida ainda durante o pleito eleitoral, foi a criação de uma entidade para arrecadação e destinação de móveis, eletrodomésticos e demais utensílios para as famílias felizenses em situação de vulnerabilidade social ou afetados por eventos adversos. Desta forma, a Administração, com a aprovação da Câmara de Vereadores, criou o Banco da Mobília para Feliz, o qual será responsável pela organização das doações e atendimento da população. A gestão do Banco da Mobília está a cargo do Departamento de Assistência Social.
Os bens arrecadados serão compostos dos itens doados pela comunidade e empresas locais, através do bota-fora e do patrimônio público municipal, declarados como inservíveis para o Município. Eles serão armazenados na sede da Secretaria de Infraestrutura, que também ficará responsável pelo apoio no carregamento e transportes dos mesmos em dois dias do mês organizados pelo Departamento. Segundo o prefeito, Junior Freiberger, o Banco da Mobília é um projeto do plano de governo, que tem como objetivo principal, ajudar as famílias que necessitam de itens, que muitas vezes, estão inutilizados por outras famílias.
Para controle de recolhimentos, os bens constarão em sistema de controle almoxarifado-estoque e terão termo de recolhimento e termo de doação, assim, quem deseja doar itens devem entrar em contato com o Banco da Mobília pelo WhatsApp 51 9 9659 2686. Já para quem deseja receber, os interessados deverão constar na lista de munícipes e entidades solicitantes administradas pela Assistência Social, também pode entrar em contato pelo telefone acima ou dirigir-se até o CRAS de Feliz.
Os itens mais solicitados são roupeiros, armários de cozinha, camas, geladeiras e fogões. Conforme a Secretaria de Desenvolvimento, desde a instituição do Banco da Mobília, há dois meses, já foram doados mais de 70 itens.

0 Comentários

Deixe um Comentário

quatro × quatro =

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password

Você não pode copiar o conteúdo desta página