Primeiro pedágio free flow da região é montado em Capela de Santana e inicia obra de instalação no Caí

Em Capela de Santana o free flow foi montado na altura do quilômetro 30 da ERS-240, perto da divisa com Montenegro

Começou nesta quarta-feira, dia 5, a instalação do novo pedágio de free flow em Capela de Santana, na altura do quilômetro 30 da ERS-240, bem perto da divisa com Montenegro. Foi iniciada a montagem da estrutura metálica do pórtico que fará a leitura de tag  e placas, através de câmeras e sensores.

O trânsito ficou em meia pista, com sistema de pare e siga, devendo seguir a montagem até amanhã, quinta-feira. Em seguida a Concessionária Caminhos da Serra Gaúcha (CSG) deve começar também a instalação na altura do quilômetro 4,6 da ERS 122, no bairro Areião, em São Sebastião do Caí, onde iniciou a limpeza do local e construção da base de concreto. Depois de concluída a montagem, inicia o período de testes e ajustes.

Estrutura metálica do pórtico foi montada ontem e mais equipamentos serão colocados amanhã

Em fevereiro de 2024 deve começar a cobrança, que vai ocorrer nos dois sentidos, sem cancelas e necessidade de parar. Os proprietários dos veículos terão até quinze dias para pagamento das tarifas através de aplicativo de bancos, site e pontos conveniados. Caso o valor não seja quitado dentro do prazo, o proprietário do veículo receberá uma multa por evasão de pedágio, que acarreta no pagamento de R$ 195,23 ao Governo do Estado, além de cinco pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Também em fevereiro está prevista a desativação do pedágio de Portão.

O prefeito do Caí, Júlio Campani, anunciou que em agosto de 2024 deve ser instalado um novo pórtico, entre os quilômetros 19 e 20, junto da divisa com Bom Princípio. Com isso a tarifa será dividida entre os dois pedágios, reduzindo o do Caí pela metade. E informou também que os moradores dos bairros Areião, São Martim e Conceição, terão isenção de um veículo por endereço (família e pequena empresa), inicialmente na praça de Portão e depois no Caí. Em contrapartida a Prefeitura abrirá mão de parte do imposto cobrado da concessionária.

Moradores de Capela de Santana pediram aos vereadores isenção nas tarifas

Manifestação em Capela

Moradores de Capela de Santana também estão lutando pela isenção e ontem um grupo participou da sessão da Câmara, pedindo aos vereadores que seja encaminhado um projeto para que a Prefeitura abra mão do recebimento de impostos da concessionária para que residentes no município não paguem tarifa. Uma manifestação está sendo organizada para o próximo domingo, dia 10, das 9h às 15h, no local do pedágio, para pedir por isenção.

0 Comentários

Deixe um Comentário

16 − doze =

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password

Você não pode copiar o conteúdo desta página