Mangueira recheada de drogas foi apreendida - Crédito: BM

Na noite de ontem, segunda-feira, 1º de fevereiro, em torno de 23 horas, uma guarnição da Brigada Militar foi despachada para a localidade de Pesqueiro, em Montenegro. No local, a guarda externa da Penitenciária Estadual teria avistado dois indivíduos, perto das guaritas, tentando arremessar uma mangueira para o interior da modulada.

Os dois suspeitos foram abordados com a mangueira. Informaram que cada um receberia mil reais para arremessar a mangueira com drogas para dentro da penitenciária. E que um terceiro indivíduo estaria esperando num automóvel Fiat Uno de cor branca. O veículo foi localizado junto a um posto de combustíveis da margem da RS 124. O motorista negou participação, mas dentro do carro foram encontrados pedaços da mesma mangueira que estavam com a dupla perto da penitenciária. E aí o motorista confessou que tinha levado os acusados para arremesso de entorpecentes, para o qual receberia 200 reais. Um dos indivíduos, inclusive, estava foragido do sistema prisional.

Os três foram encaminhados para a Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) de Montenegro, onde foi lavrado o flagrante por tráfico de drogas e associação criminosa.

Mais um drone

Também tem sido freqüente o uso de drones para jogar drogas e objetos ilícitos para o interior da penitenciária. E algumas aeronaves não tripuladas (drones) tem sido apreendidos, assim como entorpecentes.

Drone e drogas foram apreendidos na sexta-feira, mas acusados conseguiram fugir
– Crédito: BM

Por volta do meio-dia da última sexta-feira, dia 29 de janeiro, dois indivíduos foram avistados descendo de um veículo, perto da Modulada. Conforme a Brigada, estavam em atitude suspeita e entraram com uma mochila num mato próximo. Policiais militares foram até o local e encontraram a mochila contendo no seu interior vários tabletes de maconha, pesando aproximadamente 1 quilos e 425 gramas, fones de ouvido, chave de fenda, fita adesiva e um drone. O veículo e os dois acusados não foram mais localizados. Os materiais foram encaminhados para a DPPA.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here