Comerciante Claudete Schvanter foi atacada por cães e mordida na perna quando se dirigia de moto ao serviço - Reprodução/FN

Mais um caso de pessoa mordida por cachorro em via pública foi registrado em Montenegro. No início da manhã de ontem, quarta-feira, dia 18, por volta de 5h30, uma comerciante de 45 anos se dirigia ao trabalho quando foi atacada por um cão na Rua Ramiro Barcelos, bem no centro da cidade. Ela estava de moto quando surgiram quatro cachorros e um deles mordeu sua perna. Teve que buscar atendimento médico na Secretaria Municipal de Saúde. “Quatro cachorros me atacaram quando eu passava de moto. Parei e três cães voltaram para trás. O maior veio de mordeu com tudo minha perna”, conta Claudete Aparecida Rodrigues Schvanter, dona do Car Lanches.

Comerciante Claudete Schvantes mostrou ferimentos que teve na perna ao ser mordida quando trafegava de moto no centro de Montenegro
– Reprodução/FN

Um caso semelhante foi registrado faz cerca de uma semana atrás, quando outra mulher de moto foi atacada por cães e mordida no pé quase no mesmo local, na esquina da Rua Ramiro Barcelos com a Rua Olavo Bilac, próximo ao Café Comercial. “”Três cachorros me atacaram. Um avançou no meu pé. Tive que ir ao hospital e posto de saúde para tomar vacina antirrábica e antibiótico. “Mal consigo caminhar e colocar sapato no pé”, relata a vítima.

Outros casos, inclusive que foram tema de reportagem no Fato Novo, ocorreram perto da Estação Rodoviária, onde pedestres também foram mordidos por cães. Chegou a ocorrer uma ação conjunta da Brigada Militar, através do Pelotão Ambiental (Patram), e da Prefeitura, com animais sendo recolhidos e encaminhados para a castração.

Na última semana uma equipe da Vigilância Sanitária do município teria tentado capturar os cães, mas eles conseguiram fugir. Ontem houve nova tentativa por parte da Defesa Civil, mas novamente não ouve êxito.

Reunião entre prefeito e Brigada

Na manhã de ontem, quarta-feira, ocorreu na Prefeitura uma reunião para tratar justamente dos animais soltos em via pública. Além do prefeito Gustavo Zanatta, participaram o comandante do Pelotão Ambiental (Patram), tenente Luis Fernando da Silva, e o major Ricardo Machado da Silva, Subcomandante do 5°BPM. Na ocasião, as instituições se comprometeram a atuar conjuntamente sobre a questão.

Prefeito Gustavo Zanatta participou de reunião com representantes da Patram e 5º BPM para buscar uma solução
– Crédito: CRPO

Segundo o major Ricardo, um dos problemas são os animais de grande porte soltos nas vias públicas, principalmente cavalos. “Podem ocasionar acidentes de trânsito e não temos para onde encaminhar, quando a comunidade aciona a Brigada Militar. O Prefeito já ajustou um local adequado”, diz. “Com relação aos cães, o Comando Ambiental da Brigada Militar, com o auxílio de dois Policiais Militares do 5°BPM, que são cinófilos, vai capturar os animais”, completa, citando que inicialmente foram relatados casos de três cães que teriam mordido pessoas. “Conversamos com o prefeito sobre a necessidade de um encaminhamento da questão de modo permanente. Esse ponto está sendo avaliado pelo município”, diz o major Ricardo.

De acordo com a Prefeitura, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e a Patram estão organizando operações para apreender os animais e conduzi-los até um canil junto à Penitenciária Modulada, na localidade do Pesqueiro. Lá ficarão à disposição para adoção.

2 COMENTÁRIOS

  1. Um momento! Não foi esclarecido bem aonde levarão os cães! Vão dar um tiro neles? Fazer o quê? Levar aonde? É extermínio, então? A PREFEITURA JÁ NÃO FAZ NADA PRA REDUZIR O NÚMERO DE CÃES NAS RUAS, NÃO FAZ CASTRAÇÕES, NÃO FAZ NADA E AGORA VÃO EXTERMINAR OS CÃES? OU VÃO LEVAR NUM CAMINHÃO PRA DESPEJAR EM OUTRA CIDADE??? EXPLIQUEM AÍ !!! E aos donos nada vai acontecer? Essa gente vai passar de lombo liso? Os cães é que vão pagar o pato?

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here