Exemplo: grupo recolheu lixo espalhado pela rua e calçada - Reprodução/FN

Na segunda-feira retrasada o cenário na beira do rio era de muito lixo espalhado junto ao cais do porto. Algo que é comum, ainda mais com a volta das aglomerações.

Um dos principais pontos turísticos de Montenegro, o local costuma ser muito freqüentado, principalmente por jovens nos finais de semana. E no último domingo não foi diferente. Só que uma cena chamou a atenção e até foi registrada em vídeos e fotos. Na noite de domingo, em frente ao prédio da Câmara de Vereadores (antiga usina), onde estava muitos jovens, um grupo decidiu se mobilizar e providenciar a limpeza da calçada. Um rapaz até puxou um container da limpeza pública, com rodinhas, para colocar o lixo que era recolhido pelos jovens.

A atitude “bombou” nas redes sociais e foi bastante aplaudida. Mostra que com conscientização é possível se utilizar os espaços públicos sem deixar sujeira, além de respeitar o distanciamento e os protocolos de prevenção à pandemia. Importante também que o lixo seja colocado nas lixeiras que existem junto ao cais do porto.

Lamentavelmente continuam ocorrendo os problemas de som alto e desordem. Moradores reclamam do barulho e da baderna. Devido a falta de banheiros, paredes e muros das casas acabam sendo utilizados para as necessidades fisiológicas. A Brigada Militar e a Guarda Municipal tem procurado fazer patrulhas e abordagens no local para evitar aglomerações.

Conscientização

No domingo, dia 29, a empresa Montepel organizou uma ação de conscientização em frente ao Caça e Pesca. Com o chamado “Lixo no chão eu não tolero”, a ação teve o apoio do grupo de Remadores Montenegro, Limitless Stand Up Paddle, Papo com Vinil e Prefeitura de Montenegro. Os participantes distribuíram sacolas recicláveis e orientaram os usuários do cais do porto sobre a importância de manter a limpeza do local.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here