Zanatta vai se filiar ao Republicanos com a presença do General Mourão

Prefeito e vice, Gustavo Zanatta e Cristiano Braatz pretendem repetir a chapa para concorrer à reeleição - Crédito: Arquivo

O prefeito de Montenegro vai se filiar oficialmente ao Republicanos no próximo dia 24 de novembro. Gustavo Zanatta, que foi eleito em 2020 pelo PTB, confirmou a troca de partido. O ato de filiação chegou a ser marcado para sexta-feira passada, 27 de outubro, mas a data foi remarcada devido a compromisso na agenda do senador General Hamilton Mourão. O ex-vice-presidente da República informou que não poderia estar na última sexta-feira, mas em vídeo divulgado nas redes sociais confirmou presença em 24 de novembro, no clube Grêmio Gaúcho. Outras lideranças do Republicanos, como os deputados Carlos Gomes e Gustavo Victorino, assim como o ex-prefeito Percival de Oliveira, também deverão estar presentes.

Gustavo Zanatta já manifestou a intenção de concorrer à reeleição, tendo novamente como vice Cristiano Braatz (MDB). Além do Republicanos e do MDB, o Progressistas (PP) também ingressou no governo e outros partidos, como PSB, Podemos e PL também fazem parte da base de apoio. “Muitos partidos estão se aproximando. Buscamos soluções para os problemas da cidade, mas também tem o lado político e a grande maioria das pessoas vê que está sendo feito um bom trabalho pela administração municipal. Caminho nas ruas e vejo isso. Vamos fazer uma grande aliança para ter um maior número de candidatos a vereador e êxito para poder dar sequência ao trabalho”, declarou Zanatta.

Oposição

O atual prefeito foi o primeiro a se lançar como pré-candidato à Prefeitura. Pela oposição, poucos nomes são cogitados, já que não sobraram muitos partidos.

No PDT os mais cotados são o vereador Paulo Azeredo, que já foi prefeito e deputado estadual, e sua irmã, a ex-vereadora Iolanda Azeredo Hofstatter. O PT defende a formação de uma frente de oposição, inclusive se unindo ao PDT, mas ainda não lançou pré-candidatos. O vereador Talis Ferreira, que foi candidato a deputado estadual no ano passado, também foi cogitado, mas o seu partido (PP) ingressou no governo. Ele recebeu convite do PSDB para se filiar e concorrer, mas disse que ainda é muito cedo para falar sobre isso. Adairto da Rosa, o “Chacall”, atualmente no PSD e que já concorreu por vários partidos, confirmou que pretende concorrer novamente.

A eleição acontece em 6 de outubro de 2024. Portanto, falta menos de um ano. Filiações e troca de partidos podem ocorrer até seis meses antes do pleito. Entre 6 de março e 6 de abril ocorre a chamada janela partidária, quando os vereadores poderão trocar de sigla sem o risco de perder o mandato por infidelidade. Já as convenções, que vão definir os candidatos, vão ocorrer entre 20 de julho e 5 de agosto. Cada partido, além de candidato a prefeito e vice, em Montenegro poderá lançar até 11 candidatos a vereador, dos quais 4 terão de ser mulheres.

0 Comentários

Deixe um Comentário

quinze − doze =

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password

Você não pode copiar o conteúdo desta página