Temporal causa muitos estragos e transtornos na região

Casas e prédios ficaram destelhados, além de quedas de árvores e postes, alagamentos de ruas e falta de luz em vários locais - Foto de Salvador do Sul/Crédito: Cleo Meurer

Mais uma vez o Vale do Caí foi atingido por temporal, que ocasionou muitos danos e transtornos.

Entre a noite de terça-feira e madrugada de hoje foram registrados vários estragos em cidades da região, decorrentes das rajadas de vento e chuva forte. Ocorreram quedas de árvores, postes, placas, paradas de ônibus, destelhamentos de casas e alagamentos de ruas, além de outros problemas. Também falta de luz e de água em diversos pontos.

Em Montenegro ocorreram muitas quedas de árvores em ruas, desobstruídas pela Defesa Civil e Bombeiros, além de alagamentos e falta de luz
– Crédito: Prefeitura

Uma das cidades mais atingidas foi Montenegro. Como havia alerta de temporal, assim como para todo o Estado, a equipe de contingência já estava de prontidão através da Defesa Civil e Corpo de Bombeiros. Entre as 23h de ontem e 4h da madrugada de hoje, foram 497 chamadas para o telefone 193, sendo 95 por quedas de árvores e 350 devido a alagamentos. Foram entregues 18 kits com lonas para famílias que tiveram danos em telhados de casas. Algumas residências chegaram a ser invadidas pela água. As equipes da Prefeitura seguem trabalhando na manhã de hoje para a retirada de árvores e galhos, caídos sobre casas, ruas e calçadas.

Em Salvador do Sul também árvores caíram e temporal deixou rastro de destruição – Crédito: Cleo Meurer

 

Outro município do Vale do Caí que foi bastante atingido pelo temporal foi Salvador do Sul. Conforme os Bombeiros Voluntários de Salvador do Sul e São Pedro da Serra, que passaram a noite trabalhando, foram vários chamados em decorrência de quedas de árvores, tanto na BR-470 como em estradas do interior, que tiveram de ser desobstruídas. Em alguns pontos não foram retiradas por estar sobre a fiação elétrica. No início da manhã de hoje ainda tinha bloqueio na localidade de Linha do Meio, que liga com Campestre Baixo.

Na Rua Nicolau Ruschel Filho, em Feliz, caíram cinco postes
– Crédito: Yuri e Eliane Ludwig/Vale Feliz FM

Em Feliz também ocorreram muitos danos. Pelo menos dez casas ficaram destelhadas, número que pode aumentar com o levantamento da Defesa Civil. Também houve quedas de árvores e postes, ocasionando falta de luz e bloqueios de vias. O mesmo ocorreu em Bom Princípio e Vale Real, também com quedas de árvores, fios, falta de energia elétrica e casas destelhadas.

Casas destelhadas em Bom Princípio
– Crédito: Bombeiros e Prefeitura

Outros municípios da região também tiveram problemas devido ao temporal. A preocupação aumenta porque a Defesa Civil do Estado emitiu alerta para o risco de mais temporais até amanhã, quinta-feira, inclusive com a previsão de um volume maior de chuva e ventos fortes nesta quarta-feira, podendo ocasionar mais transtornos e prejuízos, principalmente de alagamentos e inundações, além do risco de quedas de árvores.

Com relação ao nível do rio Caí, houve uma pequena elevação em São Sebastião do Caí, de cerca de 2 metros. Conforme a régua da CPRM no Caí, subiu de 2m10cm para 4m12cm desde a noite de ontem até o início da manhã de hoje, mas ainda fora da cota de atenção que é de 5 metros. De acordo com a Defesa Civil do Caí, não ocorreram registros de estragos no município. Já na região da Serra, com base na régua de Nova Palmira, em Caxias do Sul, o rio subiu apenas 60 centímetros até o começo da manhã desta quarta-feira.

0 Comentários

Deixe um Comentário

catorze − 6 =

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password

Você não pode copiar o conteúdo desta página