Operação da PF combate fraudes bancárias

Crédito: PF

Três pessoas foram presas pela Polícia Federal nesta sexta-feira, dia 28, durante operação contra suspeitos de participar de um grupo que teria desviado em torno de R$ 2,5 milhões da Caixa Federal por meio de fraudes bancárias eletrônicas.

A operação Usuário Bloqueado recolheu provas contra suspeitos das fraudes que teria ocorrido entre janeiro de 2021 e março do ano passado com a participação de ao menos cinco funcionários da Caixa, os quais já foram afastados preventivamente de suas funções.

Trinta mandados de busca e apreensão foram cumpridos. Dois indivíduos teriam sido presos por portarem armas de fogo ilegalmente e outro com uma quantidade de drogas. Os mandados foram cumpridos em cidades dos Estados do Pará, Goiás, Maranhão e São Paulo. Foram também apreendidos veículos e dinheiro, além de bloqueios de bens e valores associados aos investigados.

A PF investiga alterações nas credenciais de acesso ao sistema realizadas por empregados do banco que permitiam que o grupo criminoso transferisse valores para contas bancárias de integrantes da organização. Em nota a Polícia Federal informou ter identificado 842 registros de práticas ilícitas.

0 Comentários

Deixe um Comentário

14 − 11 =

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password

Você não pode copiar o conteúdo desta página