Free flow terá fase de testes e cobrança nos novos pedágios inicia em fevereiro

Cobrança no free flow está prevista para iniciar em fevereiro - Crédito: Divulgação/ CSG

Será feita uma fase de testes dos equipamentos de free flow instalados nas rodovias ERS-122 em São Sebastião do Caí (KM 4,6), ERS-240 em Capela de Santana (KM 30,1) e na ERS-446 em Carlos Barbosa (KM 6,5). Os pórticos já estão com os equipamentos instalados e em funcionamento, mas dependem da conclusão total da obra e de alguns ajustes. A cobrança está prevista para iniciar em fevereiro.

Conforme a Concessionária Caminhos da Serra Gaúcha (CSG), para efetuar o pagamento, os usuários poderão baixar o aplicativo CSG FreeFlow (disponível para os sistemas Android e iOS). O aplicativo permite pagamentos com ou sem cadastro, sendo que usuários cadastrados poderão usufruir de descontos adicionais, entre 5 e 20%. O sistema aceitará pagamentos por cartão de crédito e pix.

O pagamento deve ser efetuado até 15 dias após a passagem do veículo pelo pórtico. Para facilitar, a recomendação é que o veículo esteja com a tag previamente instalada no para-brisa para que o valor seja faturado automaticamente. Empresas como Sem Parar, ConectCar, Veloe, Move Mais e Taggy, e instituições financeiras, como Banrisul, Sicredi e Itaú, disponibilizam a etiqueta eletrônica por meio dos seus sites e aplicativos. Já de maneira presencial, os motoristas poderão realizar o pagamento nos totens das bases de atendimento ao cliente da concessionária, como as localizadas em Bom Princípio (ERS-122 km 36,1) e, a partir de fevereiro de 2024, em Capela de Santana (ERS-240 – km 24,8). Caso o valor da tarifa do free flow não seja quitado em até 15 dias após a passagem pelo pórtico, o proprietário do veículo receberá uma multa por evasão. A penalização acarreta no pagamento de R$ 195,23 ao Governo do Estado, além de cinco pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Em Capela de Santana os moradores também lutam por isenção no novo pedágio

No mês passado já entrou em funcionamento o primeiro free flow no Estado, no quilômetro 108,2 da ERS-122 em Antônio Prado, na Serra, substituindo a antiga praça de Flores da Cunha. Já a partir de fevereiro será desativada a praça de Portão. Ainda não foram informados os valores das tarifas dos novos pedágios.

Em São Sebastião do Caí, moradores dos bairros Conceição, São Martim e Areião, que ficam mais próximos ao pedágio, têm direito ao subsídio municipal. É permitido o cadastramento de até um veículo leve, emplacado no município, por endereço/residência, com validade de doze meses, podendo depois ser efetuada a renovação. Tem direito a isenção pessoas físicas e jurídicas, no caso de microempresas e empresas de pequeno porte. Moradores de Capela de Santana também estão solicitando isenção.e

0 Comentários

Deixe um Comentário

três × quatro =

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password

Você não pode copiar o conteúdo desta página