Zanatta protesta contra a mudança de pedágio para Montenegro

CSG informou que novo local do pórtico de pedágio na ERS-240 será próximo da antiga fábrica da Antarctica em Montenegro
O anúncio de que o pórtico de pedágio na ERS 240 será instalado em Montenegro, próximo à antiga fábrica da Antárctica, causou surpresa e indignação ao prefeito Gustavo Zanatta. A informação foi do diretor-executivo da Concessionária Caminhos da Serra Gaúcha (CSG), Paulo Negreiros, após reunião na Câmara de Vereadores.
Negreiros informou que, devido ao trecho de Capela de Santana, entre os quilômetros 30 e 31 da ERS 240, estar sujeito a enchentes, como ocorreu no ciclone de junho, por questão técnica foi decidido pela mudança para o KM 31,7, que fica em Montenegro, próximo da antiga fábrica de bebidas da Antarctica.
Pórtico do sistema free flow não terá cancelas e veículos não precisarão parar
O pedágio deverá começar a funcionar entre janeiro e fevereiro do próximo ano, com sistema free flow, sem cancelas, evitando paradas, com pórtico com sensores e câmeras. O pagamento poderá ser efetuado por aplicativo, pix, site ou pontos de venda, até 15 dias, sendo que depois é cobrada multa do Detran. O valor da tarifa, caso fosse hoje, ficaria em torno de 8 reais para automóveis, mas deve ter reajuste pelo IPCA da inflação na virada do ano. E a cobrança será nos dois sentidos, sem isenção para moradores locais. Em questão de dois anos, com o sistema free flow, poderá ser cobrado por quilômetro rodado, através da instalação de mais pórticos em trechos, com tarifas menores.
O diretor da CSG também falou das melhorias que estão previstas, como a recuperação do asfalto das RSC 287 e ERS 240, em todo o trecho, a partir deste mês de dezembro, incluindo também sinalização. E para os próximos anos estão previstos a duplicação, viadutos, passarelas e rotatórias, ao longo dos 30 anos de contrato.
Zanatta busca reverter decisão
Já no começo da manhã desta sexta-feira, 1º de setembro, o prefeito Gustavo Zanatta foi à Casa Civil do Estado, no Palácio Piratini, em Porto Alegre, para buscar a reversão da medida, juntamente com o Gerente de Contratos e Convênios, Silvio Kaél.
Gustavo Zanatta esteve na Casa Civil do Governo do Estado buscando reverter decisão de mudança do local do pedágio
– Crédito: Prefeitura de Montenegro
O prefeito foi recebido pelo assessor da Casa Civil, André Palácio, que também não sabia da mudança. “Conversamos diversas vezes com representantes do Governo do Estado e da CSG e nunca foi dito nada sobre isso, estamos perplexos”, disse Zanatta.
Outras lideranças estaduais estão sendo mobilizadas pelo prefeito para que o pórtico seja instalado no lugar inicialmente anunciado.
O diretor da CSG informou que no caso da ERS 122, o pedágio, também pelo sistema free flow, está confirmado para o KM 4,5 na altura do bairro Areião, em São Sebastião do Caí, com tarifa em torno de 10 reais. Com as duas novas praças, o pedágio de Portão será desativado.

0 Comentários

Deixe um Comentário

18 + dezesseis =

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password

Você não pode copiar o conteúdo desta página