Regiões de várzea ficaram tomadas pela água, mas não chegou a ocorrer enchente - Crédito: Defesa Civil de Montenegro

O rio Caí está baixando em toda a região. E como o tempo melhorou, sem a previsão de chuva para o final de semana, está descartada a possibilidade de enchente que causava preocupação devido ao grande volume de chuva entre terça e quarta-feira.

Na Serra, conforme a régua do Serviço Geológico do Brasil (CPRM) instalada em Nova Palmira (Caxias do Sul), o rio chegou a subir quase dois metros e meio, mas já baixou mais de um metro e saiu da cota de atenção.

O arorio Forromeco, na régua da CPRM em São Vendelino, marcou uma subida de mais de um metro e meio, mas também já recuou quase um metro.

Já em São Sebastião do Caí o rio subiu mais de 7 metros e na cota de alerta chegou a 8m95cm, mas desde o final da tarde de ontem, quinta-feira, começou a baixar, já recuando em mais de um metro. Não teve enchente no Caí porque a cota de inundação é a partir dos 10 metros.

Em Montenegro o rio Caí subiu cerca de 4 metros e meio até o início da manhã desta sexta-feira, alcançando 5m48cm na régua da CPRM. Mas a partir daí o nível do rio estabilizou e começou a baixar.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here