Falta de pavimentação e iluminação, além de depósito de materiais recicláveis, dificultam a travessia sob o viaduto - Crédito: Guilherme Baptista/FN

O “Câmara em Pauta” desta última semana contou com a presença do vice-prefeito Cristiano Braatz. Durante o encontro, que aconteceu na sala de reuniões Janete Zirbes, da Câmara de Vereadores, foram debatidos alguns temas como a construção de passarelas na RSC 287. E outras alternativas para a travessia da rodovia, como a construção de passarelas e melhorias no antigo viaduto da rede ferroviária.

Travessia sob viaduto, rótulas e passarelas estiveram entre assuntos discutidos no Câmara em pauta
– Crédito: ACOM/Câmara

De acordo com Braatz, as rótulas vão ser construídas em dois pontos já determinados do bairro Santo Antônio, no cruzamento da RSC 287 com as ruas Ramiro Barcelos (trevo do Ipiranga) e Coronel Antônio Inácio (trevo da Renauto). Cristiano lembrou que a Prefeitura conta com o apoio do legislativo na busca por passarelas a serem instaladas na travessia do bairro Panorama. “Neste primeiro momento vamos fazer o processo de licitação para a obra das rótulas e, paralelo a isso, ainda vamos trabalhar pela construção do retorno na Rua Vereador João Vicente; na Ponte Seca, e a implantação das passarelas que são solicitação da comunidade que usa aquele trecho”, salientou.

Passagem por baixo do viaduto facilitaria a travessia da RSC 287, mas são necessárias melhorias no local
– Crédito: Guilherme Baptista/FN

A utilização do viaduto, com travessia sob a RSC 287, surge como alternativa mais barata e rápida para facilitar a travessia, ligando o bairro Centenário e a localidade de Faxinal com a rodovia. Além de melhorias no calçamento da Rua Vereador João Vicente e a conclusão do asfalto da Estrada Selma Wallauer no Faxinal, é preciso iluminação e pavimentação no trecho sob o viaduto. Ainda falta a remoção de morador, que utiliza a margem da estrada sob o viaduto para depósito de materiais recicláveis, o que dificulta a travessia.

Prédio da Câmara
Também foi abordado na reunião o termo de cessão de uso do prédio da Câmara de Vereadores que pertence a Prefeitura. O presidente do legislativo Juarez Vieira da Silva entrou com um pedido de transferência do complexo para a Câmara. “Com este termo em mãos vamos poder fazer melhorias, como a implantação de banheiros públicos a serem usados pela comunidade que frequenta a orla do rio aos fins de semana”, ressaltou.

Placas de ruas
Outro tema discutido foi à implantação de placas nas ruas de Montenegro. Hoje a população tem dificuldade de identificar determinados trechos. Pensando em resolver esta situação, o vice-prefeito expôs aos vereadores que já existe um projeto urbanístico prevendo a implantação da sinalização. Estas placas teriam o formato de uma bergamota e na sua folha serão colocados os nomes e CEP’s das ruas.
O pedido de identificação dos logradouros já foi feito no inicio do ano pelo legislativo e, agora, aguarda uma parceria do poder público com a iniciativa privada para a colocação nas ruas da cidade.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here