Cristiano Braatz assumiu a Prefeitura de Montenegro durante as férias do prefeito Kadu Müller - ACOM/Câmara

O prefeito de Montenegro, Carlos Eduardo Müller, o Kadu, decidiu tirar dez dias de férias. E como Montenegro atualmente não tem vice-prefeito, já que o próprio Kadu era vice de Luiz Américo Aldana que foi cassado em impeachment, quem assume a Prefeitura é o presidente da Câmara. E foi o que aconteceu ontem, sexta-feira. Antes mesmo do final do ano, o recém eleito presidente do legislativo, vereador Cristiano Von Rosenthal Braatz (MDB) assumiu o Executivo. Cristiano é filho do ex-vereador Roberto Braatz, que já foi também vice-prefeito e candidato a prefeito na última eleição. Aos 38 anos, Cristiano é um dos principais vereadores de oposição na Câmara. Mesmo assim o prefeito Kadu, numa demonstração de confiança e cordialidade entre os poderes, decidiu transferir o cargo por dez dias, entre 2 e 11 de janeiro. A posse foi antecipada para ontem em razão do feriadão de Ano-Novo.

Durante a cerimônia de transmissão de cargo, ontem, na Prefeitura, Kadu falou da importância da boa relação entre os poderes. Como são apenas dez dias de férias, incluindo quatro dias de feriadão em que a Prefeitura estará fechada, Kadu não precisaria passar o cargo. Mas ele optou por repetir o que fez no ano passado, quando o então presidente da Câmara, Neri de Mello Pena, o Cabelo (PTB), também chegou a assumir o cargo de prefeito. Já o presidente da Câmara em 2018, Erico Velten (PDT), que é da oposição, não tomou posse como prefeito nenhuma vez. Kadu justificou a confiança em Cristiano por considerar ele uma pessoa capaz e que deve se deixar as diferenças políticas de lado. A Câmara de Vereadores neste período, onde o legislativo está em recesso, será presidida pelo vice-presidente, vereador Juarez da Silva (PTB).

Ações para 10 dias

Cristiano Braatz diz que vai dar andamento aos trabalhos. “Dez dias é pouco, mas dá para fazer algo. O prefeito Kadu me deu autonomia para trabalhar. Foi um gesto de grandeza e amadurecimento entre as partes”, considera.

Cristiano citou pelo menos seis ações que pretende realizar durante os dez dias que estará no comando da Prefeitura.

– Visitar as Secretarias. Conhecer melhor suas estruturas e metas para 2019;

– Acelerar projetos;

– Dar início ao processo de elaboração do edital para concurso público na área da educação;

– Retomar o programa de castrações de animais de rua (ver viabilidade primeiro junto a Secretaria da Fazenda e Ongs);

– Ouvir lideranças comunitárias da área urbana e rural;

– Realizar reunião com os vereadores.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here