Mapa preliminar para a próxima semana foi divulgado hoje - Crédito: Governo do Estado

Poucas mudanças entre os municípios do Vale do Caí no mapa preliminar do sistema de distanciamento controlado anunciado pelo Governo do Estado nesta sexta-feira, dia 28. As regiões que tem como referência Canoas e Novo Hamburgo continuam em bandeira vermelha, mas podendo adotar protocolos de laranja. E os municípios que integram a região da Serra, tendo como referência Caxias do Sul, continuam em bandeira laranja, de risco médio, podendo flexibilizar o comércio e serviços, como é o caso de Bom Princípio, Feliz, Vale Real, Alto Feliz, São Vendelino e Linha Novo. Cinco cidades, mesmo em região de bandeira vermelha, podem ficar na laranja porque não tiveram óbitos ou internações nos últimos 14 dias: Harmonia, Maratá, São José do Sul, São Pedro da Serra e Tupandi. As demais, para adotar protocolos alternativos com menos restrições, devem aderir à cogestão. É o caso de Montenegro, São Sebastião do Caí, Capela de Santana, Portão, Salvador do Sul, Barão, Brochier, Pareci Novo e São José do Hortêncio.

Os municípios ou associações ainda podem encaminhar recursos até a manhã de domingo. O mapa definitivo será anunciado na segunda-feira, passando a vigorar no dia seguinte. No total, pouco mais da metade dos gaúchos está em área previamente classificada com bandeira vermelha. Os indicadores da 17ª rodada do Distanciamento Controlado apontam 10 regiões, com 240 municípios e 6,1 milhões de pessoas (54,1% da população), sob risco epidemiológico alto para coronavírus. Há seis semanas, cerca de 10,2 milhões de habitantes – 91% da população –, estavam com bandeira preliminar vermelha, o que indica redução importante em áreas sob risco alto de contágio. O Rio Grande do Sul voltou ao patamar registrado há oito semanas, em 3 de julho, quando metade das então 20 regiões Covid foram classificadas previamente em alto risco.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here