Crédito: Governo do Estado

Divulgado no final da tarde do feriado de Natal desta sexta-feira, 25 de dezembro, o mapa preliminar da 34ª rodada do modelo de Distanciamento Controlado continua refletindo o alto índice de contágio e de ocupação dos hospitais por coronavírus no Rio Grande do Sul. Embora seis regiões tenham ficado com bandeira laranja (risco epidemiológico médio), o restante do Estado segue em alerta – o que representa 76,5% da população gaúcha de 414 municípios.

No Vale do Caí, apenas São José do Hortêncio e Portão, da região covid de Novo Hamburgo (R07), ficaram na bandeira laranja. As outras 18 cidades do Vale do Caí seguem na bandeira vermelha. Também cinco municípios, que não tiveram mortes ou internações nos últimos 14 dias, podem adotar protocolos de bandeira laranja, entre eles: Harmonia, Maratá, São José do Sul, São Vendelino e Vale Real. E as outras treze cidades podem adotar protocolos de bandeira laranja graças a cogestão.

A boa notícia é que no Estado houve redução no registro de novas hospitalizações confirmadas com Covid-19 (-14%) e no número de internados em leitos clínicos Covid (-6%). Por outro lado, as UTIs apresentaram aumento no número de internados com coronavírus (+5%).

Como o mapa preliminar foi divulgado às 19h desta sexta-feira, municípios e associações regionais que desejarem enviar pedido de reconsideração têm uma hora a mais – para fechar o prazo de 36 horas – para enviar sua solicitação ao governo, até às 7h da manhã de domingo, dia 27. O número de recursos recebidos será divulgado na manhã de domingo. Os pedidos serão analisados pelo Gabinete de Crise e o mapa definitivo será divulgado às 16h30 de segunda-feira, dia 28. A vigência das novas bandeiras será de 29 de dezembro a 4 de janeiro.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here