Com a concessão poderão ser realizadas melhorias como na travessia da RSC 287 em Montenegro - Crédito: ACOM/Prefeitura

O plano do Governo para a concessão de rodovias estaduais prevê repassar para a iniciativa privada mais de mil quilômetros até a metade de 2021. Na lista de concessões estão mais de 750 quilômetros atualmente sob a administração da Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR), incluindo a RS 122, que passa por São Sebastião do Caí, Bom Princípio e São Vendelino. Também a RS 240, no trajeto entre Montenegro, Capela de Santana e Portão. E a RSC 287, em Montenegro, que tem um trecho urbano sob responsabilidade da EGR e o restante ainda com gestão do Daer. Com as privatizações, deverão ter novas praças de pedágio. Atualmente já existe um pedágio administrado pela EGR em Portão, no entroncamento da RS 122 com a RS 240. Conforme o Governo do Estado, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) foi contratado nesta sexta-feira, dia 17, para fazer os estudos de viabilidade financeira de cada trecho e preparar a modelagem do negócio. Entre o final deste ano e o primeiro trimestre de 2021 o Governo já projeta lançar os editais para a concessão.

Com a concessão da RS 122, se espera a solução de problemas como do trevo da Polícia Rodoviária de Bom Princípio
– Arquivo/FN

Com a concessão, a EGR deverá ser extinta, já que suas rodovias serão privatizadas. A expectativa é de que com isso poderão ser realizadas melhorias, como a implementação de terceira faixa e duplicação em trechos que faltam da RS 122 em direção a Serra. Também melhorias na pavimentação asfáltica e cruzamentos, como com a RS 452, próximo da Polícia Rodoviária de Bom Princípio, onde os acidentes e congestionamentos são constantes. Ainda a construção de rótulas e vias laterais previstas do projeto elaborado pela EGR para aumentar a segurança na travessia da RSC 287 em Montenegro. O Governo do Estado aposta na participação da iniciativa privada para melhorar a estrutura e manutenção das rodovias estaduais. O processo é semelhante ao que está ocorrendo com alguns trechos de estradas federais, como a BR 386 que está ganhando uma praça de pedágio no trecho de Montenegro, perto da ponte do rio Caí, com a cobrança devendo iniciar entre o final de janeiro e o mês de fevereiro, após a realização de várias melhorias e implantação de serviços.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here