Em Montenegro o rio subiu mais de 3 metros, mas já está baixando - Sílvio Kael/Reprodução

Depois do vendaval que causou muitos estragos em vários locais da região, devido às intensas chuvas a preocupação passou a ser com o nível do rio Caí e a possibilidade de uma nova enchente.

Felizmente a situação está tranqüila. Na região da Serra, onde o rio nasce em Nova Petrópolis, o rio Caí tinha subido mais de 2 metros, chegando na noite de terça-feira próximo da cota de alerta na régua da CPRM em Nova Palmira (Caxias do Sul). Mas depois começou a baixar, já reduzindo em mais de um metro.

No Caí o rio chegou a subir mais de 5 metros, mas agora já baixou 1 metro
Daniel Fuchs Klein/FN

Em São Sebastião do Caí o nível do rio chegou a subir 5m36cm entre domingo e o meio-dia de ontem, quarta-feira, chegando aos 7m79cm, já dentro da cota de alerta, mas aí começou a baixar e diminuiu 1m12cm até o início da manhã de hoje, quinta-feira. Baixou 8 centímetros entre 5 e 6h da manhã de hoje, estando em 6m63cm, já foram da cota de alerta e passando para de atenção. A enchente no Caí começa só a partir dos 10 metros.

Em Montenegro rio subiu 3m38cm entre domingo e a tarde de ontem, chegando a 4m73cm , já dentro da cota de alerta. Mas após começou a diminuir e às 6h30 da manhã de hoje a régua da CPRM marcava 4m34cm, tendo recuado 39 centímetros. A enchente em Montenegro ocorre a partir dos 6 metros.

A preocupação é de que existe previsão de mais chuva até o início da próxima semana e por isso a região segue em alerta. Para o Vale do Caí estão previstos mais cerca de 40 milímetros de chuva até a próxima segunda-feira, quando só aí o tempo deve melhorar. E na Serra, pela previsão do tempo para Caxias do Sul, em torno de 45 milímetros.

Deixe seu comentário