Reprodução/FN

Após a realização de audiência pública, foi definida a cédula de votação para a Consulta Popular que terá a sua votação entre 26 de outubro e 3 de novembro. Cada eleitor do Vale do Caí poderá votar pela internet numa das três demandas que constam na cédula. Os dois projetos mais votados receberão R$ 342.857,14 cada, sendo que o com maior número de votos deve ter a sua execução em 2021 e para o segundo depende das condições financeiras do Estado.

Uma das propostas é de “Aumento da capacidade das rodovias regionais, com elaboração do anteprojeto de construção da ponte ligando o Vale do Caí a Serra Gaúcha”. É uma demanda antiga, na travessia de ligação entre Pareci Novo e Harmonia com São Sebastião do Caí, já que as atuais três pontes estreitas do Matiel estão em condições precárias, passando um veículo de cada vez, num trecho de muitos acidentes. Segundo o presidente do Conselho Regional de Desenvolvimento (Corede), Alzir Bach, com o projeto da nova ponte em mãos, poderá se buscar recursos junto ao Governo Federal e parlamentares para a execução da obra.

Outra proposta importante, que poderá ser votada, é da implantação de uma usina asfáltica regional, que atenda os 19 municípios da região. Com a usina seria possível produzir asfalto a preço de custo, facilitando a realização de obras de asfaltamentos pelos municípios. Hoje o custo do asfalto é muito alto, fazendo com que os municípios dependam de recursos federais e estaduais, que também são escassos, ou de financiamentos. Através de um consórcio regional poderia se implantar e manter uma usina de asfalto para melhorar as estradas do Vale do Caí.

E uma terceira proposta é de redes de cooperação para preservação de água, implantação de açudes e compra de cisternas para irrigação das propriedades rurais da região. Isso iria beneficiar os agricultores, principalmente de pequenas propriedades, que enfrentam dificuldades de irrigação de suas lavouras, ainda mais em períodos de estiagem como o que aconteceu neste ano, com grandes perdas na área rural.

Mobilização

Neste ano a Consulta Popular vai ocorrer mais tarde, devido a pandemia e também as eleições municipais. E o processo será realizado totalmente de forma virtual no site www.consultapopular.rs.gov.br, aplicativo ou por SMS. Basta digitar o número do título de eleitor e votar.

O voto não é obrigatório, mas a participação é importante para a região mostrar mobilização na busca por recursos. Com maior participação, fortalece o repasse de recursos. Neste ano, em função da pandemia, os governos tiveram que focar na área da saúde. Mas a partir do próximo ano, com a situação mais normalizada, a expectativa é de mais investimentos em obras e melhorias.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here