Na semana passada já teve enchente no Caí e agora tem novamente previsão de muita chuva na terça-feira - Arquivo/FN

Novamente o Vale do Caí inicia uma semana com previsão de muita chuva, possibilidade de ventos fortes e até de uma nova enchente.

Na semana passada as previsões se confirmaram. Em decorrência do chamado ciclone bomba, o grande volume de chuva fez com que o rio Caí e arroios subissem bastante. Chegou a ocorrer uma enchente em São Sebastião do Caí, que atingiu cerca de 12 metros, obrigando muitas famílias a saírem de casa e procurarem outro abrigo. Já em Montenegro o rio não passou de 6m60cm, sem a necessidade de remoção de moradores. Também ocorreram ventos fortes, que derrubaram árvores e causaram alguns transtornos pela região.

Agora tem novo alerta da defesa civil, devido à formação de um ciclone extratropical. A chuva, que já foi intensa ontem, domingo, deve continuar até a próxima quinta-feira. E há chance de temporais.

O montenegrino Daimar Korndörfer Coelho, que é observador meteorológico, considera muito alta a chance de uma nova enchente do rio Caí nesta semana. Ele destaca que já choveu cerca de 60 milímetros em alguns pontos do Vale e da Serra no domingo. E mais entre 120 e 160 milímetros são esperados em praticamente todas as cidades da bacia hidrográfica do rio Caí. Portanto, não se descarta que os acumulados até o meio-dia da quarta-feira possam chegar e ultrapassar os 200 milímetros. Caso venha a se confirmar, a enchente pode ter início na quarta-feira, dia 8, em São Sebastião do Caí, e na quinta-feira em Montenegro.

Como o rio e as regiões de várzea já estão cheios, o risco é de uma enchente ainda maior do que na última semana. Na Serra, a régua da CPRM em Nova Palmira (Caxias do Sul) chegou a atingir cota de inundação por volta das 3h da madrugada desta segunda-feira, tendo o rio Caí subido mais de dois metros, mas depois estabilizou e começou a baixar lentamente. No Caí, pela régua da CPRM, desde ontem o rio já subiu 3 metros e às 7h da manhã de hoje marcava 6m72cm, já próximo da cota de alerta de 7 metros. A inundação no Caí, pela régua da CPRM, inicia em 10 metros. Em Montenegro a situação é mais tranqüila, mas já atingiu a cota de atenção de 3 metros no início da manhã desta segunda-feira, sendo que a enchente inicia a partir dos 6 metros.

Conforme a postagem de Daimar, a maior preocupação é com amanhã, terça-feira. Pelo alerta meteorológico poderá ter um elevado risco de chuva forte e excessiva, acompanhada de raios e trovoadas, além da possibilidade de alagamentos e inundações, quedas de barreiras e deslizamentos. Há risco também de vento forte, com rajadas entre 50 e 65 Km/h. E caso se confirme o grande volume de chuva, tem o risco de uma nova enchente.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here