Crédito: Prefeitura de Montenegro

O Ministério da Saúde alterou a composição dos grupos prioritários da Campanha Nacional de Vacinação Contra Influenza nas próximas duas etapas, que têm início no dia 16 de abril e 9 de maio. Na primeira etapa continuam sendo vacinados idosos com 60 anos ou mais e profissionais da Saúde.

O novo calendário define que professores da rede pública e privada do ensino básico ao superior, cujas aulas estão suspensas, passarão a ser vacinados na terceira fase da campanha, a partir de 9 de maio de 2020, e não mais na segunda fase. Mas poderão ser vacinados na segunda fase caso tenham doenças crônicas.

Ainda conforme o novo calendário, os grupos de funcionários do sistema prisional, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas e população privada de liberdade, serão antecipados para a segunda fase da campanha, a partir de 16 deste mês.

O Ministério da Saúde explica que os grupos prioritários são definidos com a participação das associações e instituições da comunidade científica e de especialistas do Programa Nacional de Imunizações. Origina-se daí a decisão por incluir um determinado grupo ou segmento da população.

Em 2020, o Ministério da Saúde antecipou em três semanas a realização da 22ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza pelo momento em que o mundo enfrenta a pandemia de Covid-19, para proteger de forma antecipada a população contra a influenza e minimizar o impacto sobre os serviços de saúde, auxiliando na exclusão de diagnósticos em virtude dessa nova doença.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here