Os três municípios aparecem com bandeira vermelha no mapa preliminar do Governo do Estado para essa semana - Crédito: Governo do Estado

O anúncio do mapa preliminar do sistema de distanciamento controlado da próxima semana apresentou mudanças significativas no Vale do Caí. A divulgação ocorreu no final da tarde desta sexta-feira, dia 11, pelo Governo do Estado.

A Região 08, que tem como referência Canoas e que abrange a maioria dos municípios do Vale do Caí, entre eles Montenegro e São Sebastião do Caí, volta para a bandeira laranja, de risco médio, após estar na vermelha nesta última semana. A mudança beneficia também as cidades de Barão, Brochier, Capela de Santana, Harmonia, marata, Pareci Novo, Salvador do Sul, São José do Sul, São Pedro da Serra e Tupandi. Todas estão na bandeira laranja.

O mesmo aconteceu com a região que tem como referência Novo Hamburgo, onde estão também Portão e São José do Hortêncio.

Por outro lado a região da Serra, que tem como referência Caxias do Sul, no mapa preliminar retorna para a vermelha, de risco alto e mais restrições ao comércio e serviços. Nesta região estão cidades como Bom Princípio, Feliz e Alto Feliz. Outras três – São Vendelino, Vale Real e Linha Nova, podem permanecer na bandeira laranja porque não registraram óbitos ou internações nas últimas duas semanas. A piora no cenário da região da Serra causou surpresa, pois em algumas cidades, entre elas Caxias, já estavam inclusive retornando as aulas presenciais, o que só é permitido em bandeiras amarela ou laranja. Mas o Governo do Estado alega que reduziu o número de leitos hospitalares disponíveis, o que motivou a alteração.

Em todo o Rio Grande do Sul, houve queda em alguns indicadores, como hospitalizações (-7%) e internados em leitos clínicos (-14%). Ocorreu também estabilização no número de leitos livres. Desde a 14ª rodada está vigente o modelo de cogestão, no qual as regiões Covid podem adotar protocolos menos restritivos à bandeira na qual estão classificados, mas no mínimo iguais à bandeira anterior. Para tanto, precisam elaborar planos estruturados próprios aprovados por no mínimo dois terços dos prefeitos e avalizados por uma equipe técnica. A região de Caxias do Sul, que no mapa preliminar aparece com a bandeira vermelha, aderiu à cogestão e pode adotar protocolos de laranja. Também pode ser encaminhado, até as 6h da manhã de domingo, pedido de reconsideração, que será analisado pelo Gabinete de Crise. O mapa definitivo da próxima semana será divulgado na segunda-feira e passa a vigorar a partir do dia seguinte.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here