Imagem ilustrativa/internet

O governador Eduardo Leite, que está em isolamento após ter contraído coronavírus, anunciou na tarde desta segunda-feira o mapa definitivo que passa a vigorar a partir de amanhã, terça-feira, no sistema de distanciamento controlado do Estado. Não ocorreram alterações no Vale do Caí em relação a última semana e ao mapa preliminar divulgado na sexta-feira passada.

Após a análise de 49 pedidos de reconsideração, Canoas, Caxias do Sul e Novo Hamburgo, que são referência para os vinte municípios do Vale do Caí, permanecem na bandeira vermelha. Mas onze municípios, que não tiveram mortes ou internações por coronavírus nos últimos 14 dias que antecederam o mapa preliminar, vão poder permanecer em bandeira laranja. É o caso de: Brochier, Maratá, Pareci Novo, Salvador do Sul, São Pedro da Serra, Tupandi, Alto Feliz, Linha Nova, São Vendelino, Vale Real e São José do Hortêncio.

Outras nove cidades, que tiveram óbitos ou hospitalizações por Covid-19 nas duas últimas semanas, seguem em bandeira vermelha, de risco alto e restrições no comércio e serviços. Montenegro, São Sebastião do Caí, Portão, Harmonia, Capela de Santana, Feliz, São José do Sul, Barão e Bom Princípio, continuam na bandeira vermelha.

Das vinte regiões do Estado, 12 estão em bandeira vermelha.

Durante a manifestação de hoje, o governador Eduardo Leite defendeu que o Governo deve seguir estabelecendo as regras quanto ao controle da pandemia, mesmo com as solicitações das associações regionais para maior autonomia aos municípios.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here