Crédito: Governo do Estado

No início da noite desta sexta-feira, dia 31, foi divulgado o mapa preliminar do sistema de distanciamento controlado do Governo do Estado que deve vigorar na próxima semana.

A região do Vale do Caí permanece em bandeira vermelha, tendo como referência os municípios de Canoas, Caxias do Sul e Novo Hamburgo. Mas onze municípios, que não tiveram óbitos ou internações nos últimos 14 dias, poderão adotar protocolos de bandeira laranja, entre eles Alto Feliz, Barão, Brochier, Linha Nova, Maratá, Pareci Novo, Salvador do Sul, São José do Hortêncio, São Pedro da Serra, Tupandi e Vale Real.

A novidade entre os municípios com bandeira vermelha é São Vendelino, que teve um registro de óbito. As demais cidades, que segue na vermelha, com risco alto e restrições ao comércio e serviços, são: Montenegro, São Sebastião do Caí, Portão, Harmonia, Capela de Santana, Feliz, São José do Sul e Bom Princípio.

O mapa preliminar, no Estado, aponta doze regiões com bandeira vermelha na próxima semana e oito em laranja. Uma dos anúncios de hoje é que prevalecerá o critério de residência dos pacientes na hora de fazer os cálculos das bandeiras do distanciamento controlado.

Após o anúncio do mapa preliminar, até as 6h da manhã de domingo podem ser encaminhados pedidos de reconsideração, sendo que os recursos são analisados pelo Gabinete de Crise do Estado e o mapa definitivo da próxima semana será divulgado na tarde de segunda-feira. O governador Eduardo Leite já anunciou que pretende dar maior autonomia para os prefeitos definirem as restrições, mas ainda não foi definido quando vão ocorrer as alterações. Sobre municípios adotarem protocolos alternativos, como chegou a ser anunciado pela região da Serra, a Procuradoria Geral do Estado analisa a possibilidade de ingressar com ação judicial para que sejam cumpridas as determinações.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here