Crédito: Getty Images

A retomada das aulas presenciais pelas escolas gaúchas, questão que vem sendo discutida pelo Governo do Estado e pela Famurs, alimenta dúvidas e preocupações entre os prefeitos do Vale do Caí. A questão foi pautada durante videoconferência da Amvarc na manhã dessa sexta-feira e o entendimento dominante é de que a volta das atividades do Ensino Infantil já no próximo dia 31, em municípios nas bandeiras amarela e laranja, seria precipitada.

Conforme cronograma prévio do Estado, o Ensino Superior voltaria no dia 14 do próximo mês. Na semana seguinte, seria a vez dos ensinos Médio e Técnico. No dia 28 de setembro, voltariam às salas de aula os estudantes das séries finais do Ensino Fundamental. Alunos das séries iniciais do Ensino Fundamental retornariam no dia 8 de outubro.

Crédito: Divulgação/FN

“A maioria dos municípios não quer a volta agora e nem concorda que a Educação Infantil volte primeiro. Não temos data definida, mas achamos dia 31 de agosto cedo”, afirmou à reportagem do Fato Novo o presidente da Amvarc, vice-presidente da Famurs e prefeito de Harmonia, Lico Fink (PSDB).

Ainda que acredite numa retomada das aulas nas escolas durante o mês de setembro, Lico reconhece a preocupação de que, dependendo da evolução da pandemia, as escolas possam seguir fechadas no restante do ano. A qualidade do ensino online também alimenta dúvidas por parte do gestor. “Está muito difícil, falta infraestrutura no interior, principalmente”, acrescentou.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here