A gestante Laila pratica exercícios há 3 anos e como a gravidez é sem risco, pôde continuar praticando /Divulgação

Os benefícios dos exercícios são tanto para as mães quanto para os bebês, diminuindo as chances da criança ter problemas cardiometabólicos e da mãe ficar acima do peso. Quando recomendado para as gestantes, os exercícios tem o intuito de proporcionar maior equilíbrio, força, resistência e flexibilidade. Há no entanto, algumas adaptações que precisam ser feitas. Na gravidez, a orientação deve ser sempre a segurança, com o profissional ficando atento ao grau de dificuldade e execução de cada exercício proposto.

A Profissional de Educação Física Juciana Almeida afirma que uma grande revisão de DiPietro et al. (2019) mostra ainda que, o exercício ajuda a controlar o ganho de peso da mãe e prevenir, hipertensão, pré-eclampsia e diabetes gestacional. No caso do diabetes gestacional, se a mãe for ativa antes e durante a gestação, o risco pode cair 60%. O estudo também mostra que a prática de exercícios ajuda a combater a depressão tanto na gestação quanto após o parto, um problema que afeta 1 em 10 mulheres no pós parto e pode permanecer por mais de 1 ano!

Mantenha-se ativo e com boa orientação!

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here