Um total de 40 trabalhos escolares estão sendo mostrados no Salão Paroquial - Crédito: Prefeitura

Um total de 40 trabalhos, envolvendo 20 diferentes escolas e dezenas de estudantes, estão confirmando a capacidade científica dos alunos do Ensino Fundamental de São Sebastião do Caí. Assim é a quinta edição da Mostra de Pesquisa, que ocorre entre hoje (quinta-feira) e amanhã (sexta), dias 22 e 23, no salão paroquial da Igreja Matriz.

A programação é aberta ao público nessa quinta-feira até as 19 horas e nesta sexta das 9 às 16 horas. Quem for conferir a mostra verá trabalhos versando sobre os mais variados temas, entre eles alimentação, saúde, auto mutilação, robótica, ciências, poesia, escrita, viagens, meio ambiente, abelhas e empreendorismo. “Mais uma vez temos uma grande mostra, com empenho dos nossos professores e estudantes e temas muito interessantes”, destaca o secretário municipal de Educação, Cultura, Turismo e Desporto, Elton Fernandes.

Entre os participantes está o grupo formado pelas alunas do oitavo ano da Escola Municipal São José Camila da Silva, Camili Kurtz e Andrielly Soares, que abordou o delicado e importante tema da ocorrência de casos de auto mutilação entre adolescentes. “Acompanhamos o trabalho feito por outros alunos em 2017 sobre o tema e decidimos por refazer essa pesquisa e avaliar a evolução desse problema. Constatamos que, de 110 alunos que responderam o questionário aplicado, 34% deles admitem já terem se machucado. É uma situação preocupante”, afirma a estudante Camila.

Monitora do trabalho com tema o tema “Escrever num mundo digitalizado” da turma de quarto ano da Escola Municipal São José, a professora Janaína Flores salienta a importância de atividades como a Mostra de Pesquisa. “É muito importante tirar o aluno da sua rotina de sala de aula, escolhendo o tema de interesse deles e os envolvendo na prática desde o começo. Aí o trabalho exige mais dedicação, mas vale muito à pena”, declara.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here