Crédito: Cleo Meurer/FN

A retomada das disputas de campeonatos profissionais de futebol no país não tem perspectivas em razão da pandemia da Covid-19. No futebol amador, o cenário também é de incerteza. Isso vale para o Campeonato Integração da Liserf, um dos mais tradicionais do Vale do Caí, que envolve dez clubes de Salvador do Sul, São Pedro da Serra, São José do Sul e Tupandi.

A organização da disputa acompanha com atenção o desdobramento da situação e busca alternativas para viabilizar a ocorrência do campeonato em 2020. Já há quase que a certeza de que a disputa não terá início no mês de setembro, como vinha ocorrendo. A fórmula de disputa deverá ser alterada visando encurtar o calendário do certame.

“A ideia é fazer um campeonato mais curto, com menos gastos. Temos que conversar com os dirigentes dos clubes. Ninguém teve renda nos últimos meses”, pondera Leonardo Löff “Flegat”, presidente da Liserf.

Caso a situação no país se normalize, gradativamente, ele acredita que o Integração possa ter início em outubro ou novembro. Os clubes deverão ser divididos em duas chaves, não mais havendo confrontos de todos contra todos na fase classificatória. A participação de jogadores de fora também poderá ser revista, segundo Flegat.

“Esse é um ano muito difícil, mas todos querem jogar o campeonato. Assim que der, vamos reunir a turma e discutir o que fazer. O que temos de bom no domingo é o futebol”, conclui o presidente.

Na edição passada do Integração, a SUS foi campeã nas categorias Titulares e Veteranos. O União, de Campestre Alto, ficou com o caneco dos Aspirantes. Já o São Pedro faturou a categoria Sub 16.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here