Jandir Rodrigues da Silva, de 38 anos, se afogou no Caí Velho no dia de Natal - Reprodução/FN

A reportagem do Fato Novo conversou com a esposa do morador de Novo Hamburgo que morreu afogado em Bom Princípio no dia de Natal. Adelita Gonçalves Rodrigues contou que Jandir Rodrigues da Silva, de 38 anos, tinha ido ao local, na altura da localidade de Caí Velho, no bairro Bela Vista, no feriado de Natal, sexta-feira, dia 25, juntamente com seu padrasto, um irmão e um cunhado, além da enteada, de 11 anos. Segundo a esposa, a intenção era ver como estava o local, para no dia seguinte, sábado, ir toda a família assar uma carne. Infelizmente, na parte da tarde, por volta de 16h30, aconteceu a tragédia.

Segundo Adelita, o marido sabia nadar muito bem e não se sabe como desapareceu nas águas do rio Caí. “Ele nadava como um peixe”, comenta. A enteada, filha de Adelita e que Jandir sempre criou como sua filha, sendo muito apegados, viu o padrasto se afogar.

Afogamento ocorreu no dia de Natal, no Caí Velho, e corpo foi encontrado pelos bombeiros no sábado
– Crédito: Bombeiros de Bom Princípio

Os Bombeiros Voluntários de São Sebastião do Caí e de Bom Princípio encontraram o corpo no início da manhã do dia seguinte, preso a uma rede, que tinha sido esticada por eles num local mais abaixo. Adelita e Jandir moravam juntos faz cerca de 10 anos. Ela conta que o marido era um pai dedicado, sempre sorridente e brincalhão, e ótimo companheiro. “Fazia qualquer coisa por nós”, conta. Trabalhava numa madeireira e era querido por todos. A despedida ocorreu no último domingo, com velório na capela mortuária do bairro Rincão e sepultamento no Cemitério Municipal de Novo Hamburgo.

Alerta para o perigo

Conforme os Bombeiros, o local do afogamento no feriado de Natal é bastante profundo, com poços de cerca de 6 metros, o que dificultou o trabalho dos mergulhadores. É um ponto do rio onde muitas pessoas costumam pescar e o banho é bastante arriscado.

Foi a terceira morte por afogamento no rio Caí, na região, em dez dias, o que serve de alerta para as pessoas tomarem cuidado. Em 15 de dezembro um homem de 56 anos desapareceu num balneário na localidade de Vila Rica, em Harmonia. Já no domingo retrasado, dia 20, um rapaz de 25 anos morreu afogado na localidade de Picada Cará, em Feliz.

Os bombeiros alertam quanto aos perigos de entrar no rio, açudes e arroios, em locais profundos e sem segurança.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here